• sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018 09:17

    IPTU até agora não gerou nenhum debate ferrenho

    # Presidente Michel Temer já sabe oficialmente da realização da Fenasoja 2018 entre o final de abril e início de maio próximo. É mais um presidente que será convidado para a abertura oficial.

    # Ação. Vicini reuniu seus articuladores e está partindo em busca de um dos 50 investimentos anunciados pelo Grupo Havan, uma rede de lojas completa.

    # IPTU até agora não gerou nenhum debate ferrenho, a exemplo de tempos passados. O tributo corresponde a 15% do orçamento do município.

    # Bela matéria da contracapa construída pelo repórter Silvio Brasil. Apesar de tudo o que ele narra no campo do abandono, ainda é lindo o local para ser visitado. Mas, poderia ficar bem melhor.

    # O tempo passa e com ele os conceitos. Não consegui me emocionar em ver o prefeito de minha cidade posando numa foto ao lado do presidente da República.

    # E que tal o Terra? Disse que o Vida & Saúde perdeu uma grande oportunidade de negócio ao rejeitar a gestão do Hospital Dom Bosco. E admitiu que está envolvido nas negociações com um grande interessado no mesmo negócio.

    # No que virou o Carnaval de Santa Rosa! Em ‘meia dúzia’ de blocos. Quem são os culpados? Todos que desistiram.

    # Um grande carnaval numa cidade como a nossa seria sustentado por uma disputa de rua, que a Prefeituras acabou alegando falta de dinheiro e as escolas não esboçaram nenhuma reação mais forte pela retomada do projeto.

    # Nada morre quando há força para resistir. Não acredito no reavivamento do carnaval em Santa Rosa, enquanto o dinheiro público exercer papel fundamental. Isso é subsídio, não apoio.

    # Fracassou o protesto “Santa Rosa não é Brasília - Devolvam o 13º salário”, realizado na segunda-feira, na primeira sessão ordinária da Câmara do ano. Apenas 15 protestaram, média de um manifestante para cada vereador.

    # Presidente Temer tem tudo para ser o mega show da Fenasoja. Viriam petistas do Rio Grande inteiro para o Parque.

    # Sessão de segunda-feira foi marcada por autoelogios dos vereadores. Falaram bem de si próprios e do trabalho que desenvolvem em favor da cidade. É um reflexo direto às críticas sofridas nas redes sociais.

    # Proposta de Miro Jesse de outorga de Moção de Congratulações a uma parlamentar e a um secretário estadual foi rejeitada pelo plenário da Câmara. Linha básica de raciocínio: se dá para um, que se dê para todos.

    # Porém, foi uma discussão pau a pau. No plenário houve empate de sete votos a favor e sete contrários. O presidente Renato Schaefer deu o voto de minerva contra a proposta.

    # Lei de autoria do vereador licenciado Aldemir Ulrich estabelece critérios mais apurados sobre a concessão de qualquer tipo de homenagem concedida pela Câmara. Matéria ainda não entrou em votação.

  • segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018 08:26

    E que tal Santa Rosa se transformar na primeira Cidade Inteligente do Brasil?

    # Aldemir Ulrich (PMDB) não volta à Câmara na segunda-feira, na retomada do período legislativo 2018. Sustentando sua posição com argumentos de moralidade, se licenciou para assumir um cargo de comando no Hospital Vida & Saúde.

    # Como o Vida & Saúde recebe recursos públicos, ele próprio julgou ser imoral exercer o mandato e as novas funções. Nem aguardou um parecer jurídico.

    # Assim, o PMDB tomou a seguinte decisão: vai dividir os seis meses da licença de Aldemir em três oportunidades para o 3º, 4º e 5º suplentes do partido.

    # Pela ordem exercerão mandatos passageiros os suplentes Arlindo Streich (413 votos), Fabio Luiz Foque - Fabinho (402 votos) e Cornélio Alves dos Santos (373 votos).

    # O 1º suplente, Paulo Strasser ocupa hoje um cargo na Casa Civil. E a 2ª suplente, Adriana Leal comanda a FGTAS/Sine.

    # O presidente da Câmara, Renato Schaefer fez uma visita formal a Vicini esta semana. Entre um papo aqui e outro ali, informou que a Câmara forçosamente terá que fazer obras de reforma em 2018.

    # Isso significa que haverá queda no valor tradicionalmente devolvido pela Câmara à Prefeitura.

    # Assessores de Renato filmaram a ação de cupins, que estão destruindo uma parte de madeira do prédio antigo da casa legislativa.

    # Jaime Mattiazzi formalizou na Prefeitura a desistência de ser concessionário dos serviços de reciclagem de resíduos da construção civil.

    # Vem sendo convencido a segurar o abacaxi com a promessa de que finalmente haverá fiscalização sobre o destino dos resíduos.

    # Hoje, empresas de papa-entulhos que transportam resíduos de construção não estão levando as cargas à Resicon, evitando que o cliente pague uma taxa de R$ 60,00. Enquanto isso proliferam-se lixões a céu aberto ou em matas fechadas em vários pontos do município.

    # Cidade terá um novo motel no mês que vem. É um anúncio à família santa-rosense, para maridos e mulheres casados entre si que curtem uma troca de local.

    # Aguardem. Em breve valerá à pena ir a Porto Mauá conhecer a ampliação da infraestrutura do Porto Alfandegado Internacional. Obras poderão avançar em quase dois hectares finalmente cedidos pela União.

    # E que tal Santa Rosa se transformar na primeira Cidade Inteligente do Brasil? O encaminhamento está feito e só depende de nós a consolidação do projeto tocado pela Tecnopuc e a chinesa Huawei.

    # Ficou para a semana que vem a vinda da equipe de um hospital interessado na gestão do Hospital Dom Bosco. O nome do hospital é mantido em sigilo absoluto.

    # Milton Dummel garante que o Dom Bosco continuará existindo. E diz isso com plena confiança.

    # Marli Rozek insiste em afirmar que o absoluto sucesso da venda de 13,5 mil cartelas da Campanha Apainoel deve-se ao envolvimento direto dos programas de rádio da Noroeste.

    # Jairo Jorge, pré-candidato ao Governo do Estado pelo PDT, teria aproveitado sua passada por Santa Rosa na semana passada para conversar com Carlos Alberto Benedetti, pré-candidato à deputação federal.

  • segunda-feira, 29 de janeiro de 2018 09:57

    Querem que a Justiça julgue se o abono é legal ou não

    # Vida & Saúde disse não ao Dom Bosco à proposta de gestão compartilhada. Não tem fôlego para seguir a obra do novo prédio e assumir um hospital endividado.

     

    # Negócios são negócios. Ao fazer a proposta, o Dom Bosco esperava um sim ou um não. São compreensíveis os argumentos do Vida & Saúde.

     

    # O que me deixa com uma pulga atrás da orelha é a reação de Milton Dummel. Sem nenhum sintoma de abatimento, veio à imprensa e anunciou que até o final deste mês uma equipe de um hospital interessado estará em Santa Rosa para negociar. Fim do mês é na semana que vem.

     

    # Milton fez o anúncio na mesma semana em que deveria estar afetado emocionalmente pela rejeição do Dom Bosco.

     

    # Interessante tal reação. O futuro nos dirá se um dia o Dom Bosco irá falir ou se transformará num hospital do tamanho ou maior que o Vida & Saúde.

     

    # Música ou você entende ou você gosta. Como a maioria gosta ou é apreciadora, passamos para o chamado gênero musical. E é aí que uma grade de show como a que a Fenasoja divulgou na quarta-feira deve ser entendida pelas pessoas.

     

    # A grade é para atender ao maior número de pessoas possíveis e não o meu gosto pessoal.

     

    # Se a grade fosse só pra mim, pelo menos dois shows eu evitaria. E talvez sejam os shows de maior concorrência de público.

     

    # Pessoalmente acho que o grande lance da Fenasoja é resgatar o Musicanto. Só aí já me dou por satisfeito.

     

    # Marli Rozek, mesmo sendo professora, teve dificuldades para encontrar palavras de agradecimento à comunidade regional. A região comprou 13,5 mil cartelas da Campanha Apaenoel. Isso é credibilidade para a instituição. E o ingresso de R$ 90 mil no caixa.

     

    # Padre Isidoro Silva, um dos padres mais simpáticos que conviveu entre nós, foi embora mais uma vez.

     

    # Foi Carlos Benedetti quem convidou Marli Rozek a disputar uma cadeira à Assembleia Legislativa.

     

    # Valter Weidel, liderança que vivenciou com ações a construção do nosso sistema público de saúde, declarou que no máximo 60% da população de Santa Rosa sabem fazer uso dos serviços disponibilizados pela Fundação Municipal de Saúde.

     

    # Vereadores não querem mais receber o 13º salário retroativo há cinco anos. Querem que a Justiça julgue se o abono é legal ou não. Se a Justiça pode se posicionar desta forma será ótimo, porque acabaríamos com uma lambança que tem data marcada para dezembro que vem.

     

    # Julgamento do ex-presidente Lula mobilizou o país na segunda-feira. Por via de consequência, não foi diferente em Santa Rosa.

     

    # Adoro um bom debate, mas um debate esclarecedor. Vou ao facebook e me arrepio vendo amigos meus se digladiando num linguajar chulo e desprovido de qualquer embasamento. Repetem o que vem de cima pra baixo, palavras de ordem idealizadas por marqueteiros das partes envolvidas.

     

    # Como só posso falar por mim, não permitirei que interesses que desconheço influenciem minha opinião. Acompanho o debate (?) de espírito aberto.

  • sexta-feira, 19 de janeiro de 2018 09:04

    Três candidatos com domicílio eleitoral

    # Para os moradores da Vila Sete de Setembro o recapeamento do acesso de pouco mais de três km é tão importante, ou mais, do que a duplicação da fábrica da GM para quem mora em Gravataí.

    # Clima de festa, de confraternização e alegria na Sete de Setembro pelo recebimento formal da obra. Nosso interior continua sendo uma fonte de inspiração à medicação sobre o mundo louco do nosso dia a dia.

    # Política. Creio que pela primeira vez na história (aceito correção eventual), Santa Rosa terá três candidatos com domicílio eleitoral local disputando vaga ao Congresso Nacional.

    # Os três pré-candidatos são, pela ordem alfabética, Carlos Alberto Benedetti, Miro Jesse e Osmar Terra.

    # O cenário à deputação estadual chegou a projetar uma novidade: Marli Rozek. Porém, em menos de uma semana ela dispensou o convite feito por uma liderança política que prefere não citar.

    # De qualquer forma, a lembrança de Marli valoriza seu passe. Na APAE, ela desenvolve um trabalho irreparável.

    # Mas, teremos caras novas na disputa por vagas na Assembleia. Começando pela reeleição, todos irão disputá-la: Aloísio Classmann (PTB) e Jeferson Fernandes (PT). Se somará a eles o advogado Rodrigo Colla.

    # Osmar Terra acha que é tarde para o PMDB mobilizar a partir de agora uma candidatura à deputação estadual.

    # Neusa Kempfer definitivamente está fora do pleito, pelo menos deste ano.

    # A segunda auditoria sobre a situação financeira do Hospital Dom Bosco foi entregue na manhã de segunda-feira. Um grupo bastante reduzido de pessoas sabe do valor da dívida. E ninguém pretende divulgar os números, porque não ser o momento apropriado.

    # Eu sei o valor da segunda dívida apurada. E não divulgo por não contribuir em nada com a construção de uma saída negociada para o hospital.

    # Queremos audiência de rádio e circulação de jornal, mas com responsabilidade.

    # A direção do Vida & Saúde rediscutiu os números nesta semana e deve anunciar sua posição oficial na semana que vem sobre a proposta de incorporação, fusão ou qualquer que seja o termo. Pode ser positiva ou negativa.

    # Esta negociação não pode criar clima de expectativa na comunidade, mas sim de torcida para que um desfecho positivo seja encontrado para o Hospital Dom Bosco.

    # É muito sério o que Anderson Mantei denunciou. Segundo ele, cerca de 30% dos usuários do SUS não comparecem aos postos para buscar exames, às consultas com médicos e inclusive nas consultas com profissionais especializados. E mais: há casos onde pacientes nem no bloco cirúrgico compareceram, deixando médico, anestesista e a equipe toda fazendo papel de bobos.

    # Isso é gravíssimo para um sistema público de saúde referenciado no país, mas depredado por parte dos usuários.