• quinta-feira, 30 de abril de 2015 23:36

    CPI dos Tubos levou quase um ano e não deu nada.

    # Metalúrgicos e AGCO do Brasil vão para um confronto que vai expor com nitidez o cenário de ‘fratura exposta’ que vive hoje o setor metalmecânico de Santa Rosa.
    # As demissões proliferam entre as empresas fornecedoras de peças e componentes à AGCO. Só a Jama, de dezembro para cá já demitiu 70 trabalhadores.
    # O sindicato estima que mais de 200 metalúrgicos foram demitidos este ano nas sistemistas.
    # Segundo Lina Michalski, secretária de Administração, o prefeito Alcides Vicini ficou duas semanas (não foi uma), em licença médica para tratar de estresse.
    # Darci Petrazzini saiu numa boa da Prefeitura, sem desgaste, sem confronto e sem discussão. Era uma decisão pessoal pré-anunciada.
    # Darci é mais uma presidenciável do PP, somando-se a um grupo que especula Lucas Friderichs, Bolinha e Sérgio Cola.
    # Radar móvel: quase mil autuações em cerca de dois meses e meio de fiscalização. Antes de os críticos falarem no que vai dar de faturamento tudo isso, vale a ressalva do comando da Brigada de que o comportamento do motorista está mudando. Anda-se mais devagar atualmente em Santa Rosa.
    # Fernando Classmann tem uma proposta interessante sobre a questão dos bares. A Prefeitura faz a parte dela em fiscalizar, mas o vereador acha que pode ser diferente e da mesma forma positivo.
    # É no mínimo compreensível a reação dos proprietários que tiveram seus estabelecimentos lacrados.
    # Porém, convenhamos, teriam eles apostado na sorte? Do tipo ‘aqui eles não virão’?
    # A Prefeitura, com ampla repercussão, fechou e lacrou 20 bares em 15 de dezembro passado. E os fiscais disseram que o trabalho continuaria.
    # CPI dos Tubos levou quase um ano e não deu nada. E nunca uma CPI vai dar em alguma coisa, quando o denunciado tem maioria da Casa.
    # As convicções de Cláudio Schmidt de que o ‘bom negócio’ que Vicini disse ter feito em favor do município com o loteador caracteriza-se como improbidade administrativa, agora são esperanças do vereador concentradas no Ministério Público e Tribunal de Contas.
    # Fenamilho começa amanhã e vai até o dia 10.
    # Que tal um leitão no rolete bem assadinho, acompanhado de um copo de chope? Poucos são os escolhidos para o paraíso, porque o número de cartões é limitado.
    # Metralhadora giratória de Leonardo Vicini manteve-se silenciosa nesta semana, com nenhum vereador sob ataque.
    # Aliás, Leonardo vai criticar também os vereadores da situação? Ou eles são imunes a defeitos?
    # Cresce o número de casos notificados de suspeitas de dengue em Santa Rosa.

  • sexta-feira, 24 de abril de 2015 14:42

    Duvido!

    # Mais uma licença médica para Vicini. Quantas foram até agora, desde o início do mandato?
    # Pérola de Milton Dummel, em seu discurso no Parque: “Se nós tivermos 50 pacientes que pagam R$ 10 mil de impostos por ano e sobreviverem 10 anos, nós teremos uma soma de R$ 5 milhões que é justamente o custo de instalação de um Centro de Hemodinâmica em Santa Rosa. Portanto, esse serviço é barato, ele dá lucro para o governo, porque ele vai fazer com que as pessoas continuem vivas, produzindo entre nós, trabalhando, gerando empregos e riquezas”.
    # Dengue já fez três vítimas em Santa Rosa. Número tende a crescer.
    # Posto de Saúde da Vila Sulina acaba com filas à noite e nas madrugadas, para evitar que quadrilhas inibam o cidadão comum a comprar fichas.
    # A greve dos caminhoneiros que começou ontem, tem um diferencial perigoso com relação ao movimento anterior. Agora, eles estão com raiva.
    # Lar do Idoso suspende obras do novo prédio em maio. Acabou o dinheiro. E agora?
    # A tragédia do Rio Buricá que esfacelou uma família, serve no mínimo para meditarmos sob quais valores estamos vivendo nossas vidas hoje. Tudo se arrasa tão repentinamente.
    # Festa das Etnias deve, na melhor das hipóteses, empatar financeiramente. Ouvi queixas sobre o valor do cartão: R$ 30,00 por cabeça.
    # E a pressão dos contras à ciclovia, aos poucos vai diminuindo. Lozekan soube até agora conduzir bem a pressão, mas mantendo a firmeza de não parar o projeto.
    # A ciclovia foi implantada em novembro do ano passado e funcionou em caráter experimental até logo depois do Natal. Os blocos (feios, mas indispensáveis), estão colocados desde o final de janeiro. A pintura em vermelho deve estar concluída até domingo.
    # Jauro Nascimento assume hoje oficialmente a gerência da Corsan em Santa Rosa. Na quebra de braço entre PP e PMDB, deu PMDB. O PP, inclusive, já havia até anunciado o substituto de Milton Kuhn. Coisas do jogo.
    # Até ontem, pelo menos, nenhum CC havia sido dispensado por Vicini no esforço de reduzir despesas. No total, são 62 cargos de confiança e 80 com funções gratificadas (FGs).
    # Faltam 47 dias para a Indumóveis 2015.
    # Darci Petrazzini afirma que deixa o Governo na semana que vem. Duvido!

     

  • quinta-feira, 16 de abril de 2015 19:50

    CPI

    # CPI dos Tubos pede instalação de Comissão Processante para julgar Vicini por improbidade administrativa.
    # Relatório vai a julgamento na sessão de quinta-feira da semana que vem. Pedido, naturalmente, não será aprovado, porque a bancada situacionista tem maioria.
    # Por que improbidade administrativa? Porque Vicini, tanto na imprensa como nos depoimentos à CPI, assumiu que firmou um acordo com o loteador. O empreendedor depositou R$ 25 mil numa empresa de material de construção, a Prefeitura retiraria os materiais, fabricaria os tubos e os levaria até o loteamento. Mas e cadê o controle contábil disso tudo? Se fosse numa cancha de bocha um negócio desses, haveria assinaturas e termos formalizados no verso de papel de um pacote de cigarros.
    # Quem controlava a saída dos materiais de construção e a entrega dos tubos?
    # Afinal, de quem é a responsabilidade da tubulação no loteamento?
    # Se é da Prefeitura, conforme alega o loteador, porque o loteador bancou R$ 25 mil em materiais?
    # Se é do Loteador, porque a Prefeitura ofereceu mão de obra, maquinário e transportes?
    # Um servidor alega que cordões foram fabricados e levados até o loteamento. Cordões? Mas o acordo não era só para uma rede pluvial?
    # Cláudio Schmidt entregará cópia do relatório da CPI ao Ministério Público. Aí reside a única chance de todo esse alvoroço ser esclarecido.
    # Paulinho dos Santos inocenta Vicini sob o argumento de que a rede era uma responsabilidade da Prefeitura. Tudo bem, até aí. A questão é: Paulinho concorda como os R$ 25 mil foram operacionalizados no acordo firmado no gabinete? E sendo advogado?
    # Virou e mexeu, e para o Timirinho sobrou apenas a indicação de uma sindicância para avaliar eventual desvio de funções e recebimentos de horas extras.
    # Sugiro que a Lei de Responsabilidade Fiscal seja lida com mais frequência na Prefeitura, pelos atuais governantes.
    # Pela primeira vez na cidade, hoje, governador Sartori, secretário Gabbardo e Alberto Beltrame, que manda no Instituto do Coração. É uma forte concentração de boludos para uma sexta-feira aparentemente comum.
    # Festa das Etnias, palco do pecado da gula. Creias e será salvo! Mas coma, peque e recaia, porque o cardápio é pra tirar argumento de qualquer endocrinologista.
    # Parabéns Ubirajara Júnior pela assunção ao cargo de Delegado Regional de Polícia.
    # Agora o mosquito pica e pode dar dengue. Cuidado com a picada do Aedes.

  • sexta-feira, 10 de abril de 2015 11:13

    Nada do relatório!

    # CPI dos Tubos teve seu prazo concluído na quarta-feira, 8. Nada do relatório!

    # O relatório terá que ser forçosamente lido na sessão ordinária da próxima segunda-feira, dia 13. Se o relatório, que ninguém sabe onde anda, nem se existe, não for apresentado, tocará à Mesa Diretora tornar oficial a ausência do documento e arquivar a CPI.

    # Cláudio Schmidt, presidente da CPI dos Tubos estava em Dionísio Cerqueira na quarta-feira, participando de um congresso.

    # A CPI tem só dois destinos possíveis: surpreende a cidade com um relatório bombástico ou torna exposto um elevado estado de putrefação.

    # Só Deus pode agora prorrogar a CPI dos Tubos, porque aí entraríamos no campo da eternidade.

    # Darci fica ou Darci sai? Fica. Pelo menos até o fim da CPI dos Tubos.

    # É que dependendo do que afirmar o relatório, Vicini pode se sentir livre para reestruturar a Secretaria de Infraestrutura. Até o nome de Timirinho entraria entre os possíveis convidados.

    # Vocês viram Carlos Alberto Nasi por aí? Está desaparecido. Ele deixou a política vestindo uma calça jeans e uma camisa polo, azul clara. Informações sobre seu paradeiro, favor acionar o telefone 3512 5757, da Rádio Noroeste.

    # No bolo todo, a AGCO do Brasil demitirá 300 trabalhadores. Falei com um dirigente respeitável de uma empresa sistemista local que disse o seguinte: “no mínimo haverá o mesmo percentual de demissões nas empresas fornecedoras de peças para a ACGO”.

    # O Brasil que está derretendo economicamente, está chegando em Santa Rosa.

    # Secretaria Estadual da Saúde já admite a existência de um surto de dengue na região Noroeste do RS.

    # Unijuí e a região cada vez mais próximos do Curso de Medicina.

    # Quanto mais explicações você busca para justificar a morte dos quatro jovens de Santo Cristo, do Rodrigo Caetano e de sua mãe Maria de Lourdes, crescem as dificuldades de argumentos. A estupidez da morte trágica, parece deixar-nos sedados.

    # Em menos de dois meses já deu pra notar que Jeferson Fernandes é muito melhor como deputado de oposição, do que de situação. Produz mais na oposição.

    # Olavo Pawlak está cortando tudo o que vem pela frente. Precisa reduzir pelo menos R$ 1 milhão as despesas e ainda torcer para fechar o ano empatado.

    # Demitiu a secretária de Saúde e anunciou que ele próprio responderá pela pasta. É uma lei da física: haverá um momento que ele não será prefeito ou não secretário.