• sexta-feira, 9 de outubro de 2015 07:50

    Cada vereador custa R$ 247.640,82.

    # Reação de um leitor: “Faça a conta de quanto cada vereador proporcionalmente custa para Santa Rosa”. A base da pergunta está na reportagem da semana passada do Noroeste. Assim, pegaríamos R$ 3.714.612,18 que a Câmara gastou em 2014 e dividiríamos por 15 vereadores. O resultado: cada vereador custa R$ 247.640,82.
    # Dado Silva não engoliu a pesquisa de satisfação do transporte de pacientes realizada pela Fundação Municipal de Saúde. Quer detalhes sobre os critérios.
    # Vereador Pedrão, presidente da Câmara de Santo Ângelo, protocolou projeto de lei sugerindo salário de R$ 1,5 mil para cada vereador a partir da próxima Legislatura. O salário atual gira em torno de R$ 6 mil.
    # “Vou concorrer à reeleição”, assegurou Pedrão, numa espécie de resposta às especulações de que ele estaria deixando a vida legislativa em 2016.
    # Fato relevante da política local: Prefeito Alcides Vicini deixou claro que não descarta a possibilidade de concorrer a prefeito em 2016. “Se meu partido me chamar, estarei à disposição”, assegurou. Isso é o anúncio antecipado de uma pré-candidatura.
    # O Hortigranjeiros vai das 9h às 22h. A Oktoberfest começa a esquentar justamente às 22h. Ou seja, são dois eventos distintos e nenhum concorrendo contra o outro.
    # Integrantes da ASES chegaram a pensar em desmontar a entidade, envergonhados com o ‘desaparecimento’ de R$ 7,5 mil da conta da entidade, através do desconto de três cheques.
    # Prefeito Vicini reagiu e disse que não admitirá que a ASES sofra pela ação dolosa de uma ou outra pessoa. Se colocou à disposição para resolver o problema e garantir a continuidade da linda e reconhecida história da ASES. O ato é meritoso.
    # Polícia já investiga o caso dos R$ 7,5 mil furtados da ASES. Ao autor - ou autores - da ação, sugiro que troquem de Estado para morar, ou fiquem para pagar a conta. Aposto todas as minhas fichas que a Polícia Civil indiciará autoria do crime.
    # Fui para a literatura e li que a diferença entre ouriço e o porco-espinho é que os espinhos do ouriço não são venenosos e ele não solta espinhos como faz o porco-espinho. Fiz isso para deixar Douglas Calixto mais tranquilo.
    # A Fankhauser agora é 100% nossa, como já foi um dia. É motivo de orgulho para Tuparendi e para a região, que precisa de um parque fabril mais bem distribuído e forte.
    # Santa-rosense pecou no domingo, ao não votar em maior número na eleição do Conselho Tutelar. Menos de 10% do nosso eleitorado foi às urnas participar de um processo tão sério, tão próximo do nosso dia a dia.
    # Nosso Conselho Tutelar a partir de janeiro será 100% feminino.

  • sexta-feira, 2 de outubro de 2015 07:38

    Vício necrosado na política

    # Procure sempre saber o ponto fraco das pessoas. Douglas Calixto, por exemplo, tem medo de ouriço.
    # Timirinho deu uma desmontada em Cláudio Schmidt nesta semana. Respondeu denúncia por denúncia (com documentos) e ainda afirmou que Schmidt está transtornado.
    # Vicini pegou mais 10 dias de licença médica. Isso é preocupante. Menos mal que não internou (pelo menos em nenhum hospital local).
    # Rede Sustentabilidade já está a caminho em Santa Rosa. Em breve, o anúncio da Comissão Provisória. Aqui não se perde tempo.
    # Esqueça o que está incomodando tua cabeça e vá para a 18ª Oktoberfest. Começa hoje à noite no Bairro Central.
    # Na semana que vem, a partir de quinta-feira, dia 08, teremos o 31º Encontro Estadual de Hortigranjeiros. É “nóis” nos dois eventos.
    # Corsan assumiu que vai pagar a conta do asfalto novo rachado na rua São Luiz. Obras eram para terem começado nesta semana pela mesma empresa que fez o asfalto novo. O gerente Jauro explicou que o estouro de uma adutora é imprevisível.
    # Foram sacados R$ 7,5 mil da conta da ASES por pessoas ainda não identificadas, dinheiro destinado à 1ª Jornada Literária. A Jornada quase não saiu, porque o dinheiro desapareceu da conta nos dias que antecederam seu início.
    # O dinheiro furtado na ASES é público, oriundo do Fundo Municipal de Cultura.
    # O caso foi parar na Polícia. O presidente alega que furtaram folhas do talão de cheques. Isso significa que as folhas estavam assinadas pelo presidente e tesoureiro?
    # Que pena. É uma situação de constrangimento para a ASES, de uma história tão linda na cidade. Alguém meteu a mão. E a Polícia, não tenham dúvidas, vai identificar quem fez isso.
    # A matéria de capa desta edição traz dados que permite uma leitura de como o peso do poder virou um vício necrosado na política, inclusive da nossa humilde e pobre microrregião. Tem Câmaras que proporcionalmente, na relação per capita com a população, são muito caras e de eficiência contestável.
    # A Câmara de Santa Rosa mostra-se muito bem na questão dos gastos. Gastou poucas diárias e é uma das mais baratas da região em 2014, atrás apenas de Três de Maio, Alecrim e Santo Cristo.
    # Show de bola, mesmo, é a Câmara de Santo Cristo, a menos onerosa da Grande Santa Rosa.
    # Loteamento da Prefeitura foi invadido. Fica lá nos fundos da Planalto. Os invasores já se mostram um segmento organizado em Santa Rosa.

  • sexta-feira, 25 de setembro de 2015 08:21

    Mais denúncias contra Timirinho

    # Fez um desafio a Vicini. Pediu para que o prefeito o acompanhe, que ele o levará pessoalmente em todos os locais onde a estrutura pública foi utilizada em serviços para particulares.
    # Até ontem, a Prefeitura não pediu contraponto às denúncias. Vale a ressalva de que Vicini estava ontem em Porto Alegre.
    # Lozekan, sobre a contrariedade da ACICRUZ à implantação do estacionamento rotativo pago na zona comercial de Cruzeiro: “não receberei mais os empresários que me procuram para pedir a implantação do estacionamento. Vou direcioná-los à ACICRUZ”. Pelo tom usado, não sei se foi um elogio ou uma crítica à ACICRUZ.
    # TSE autorizou o registro do partido de Marina Silva, a Rede Sustentabilidade. Agendem agora, para conferir depois: quanto tempo levará para que a Rede seja criada em Santa Rosa?
    # Uma das maiores virtudes de Neida Froelich na presidência do 31º Hortigranjeiros foi a de manter a equipe bastante motivada durante todas as etapas da organização.
    # Vai fazer o que no sábado? Vá para o Jogo do Barril no campo do União da Vila Oliveira.
    # Controle Interno da Prefeitura apontou irregularidades na prestação de contas do Carnaval de Rua, realizado em março deste ano. Assunto tramita na Justiça local. Vai feder.
    # A rachadura do asfalto recentemente entregue na Rua São Luiz foi provocada por um defeito da rede adutora da Corsan. Quem pagará a conta?
    # Asfaltamento da Bento Martins desafogará o trânsito da Avenida Tuparendi e da Expedicionário Weber, pois ligará todas as vilas a partir da rua Duque de Caxias até a Vila Flores. E com três alternativas de ligação asfáltica. É uma obra estruturante.
    # Faltam 07 dias para a 18ª Oktoberfest. Começa no dia 02 de outubro.
    # Faltam 13 dias para o 31º Encontro Estadual de Hortigranjeiros. Começa no dia 8 de outubro.
    # Prefeituras gaúchas, se não forem todas pelo menos a ampla maioria, param hoje para protestar o Pacto Federativo na equação atual: 18% do bolo tributário para os municípios.
    # Falaram mal de Benvegnú (eu ouvi), quando ele endureceu sobre a abertura da UPA, enquanto não ficasse bem claro quem pagaria a conta. Tudo foi clareado. A UPA é um novo serviço e uma nova despesa. O Estado atrasa os repasses (diz que está mal) e a Fundação tapa o buraco (como se estivesse bem).
    # Se a Prefeitura de Santa Rosa suspendesse hoje o transporte escolar e não fornecesse mais a merenda escolar, os pais quebrariam a prefeitura e colocariam a vida do prefeito em risco. Quem deveria pagar por tais despesas é o Estado, que não vem repassando um pila há meses. Vamos se respeitar!
    # Como disse Vicini, “não é parar por parar”. O protesto de hoje é para que as pessoas avaliem uma situação extremamente séria que está afetando as prefeituras. E se afeta as prefeituras, afeta diretamente a nós.

  • sexta-feira, 18 de setembro de 2015 09:08

    Farpas da semana

    # A semana foi do PDT. Vereador Osório veio à imprensa e falou. Falou e deu o que falar. Pura ingenuidade?
    # “Não concorro a prefeito, pois se perder eu fico sem emprego”, disse em alto e bom som. Em outras palavras, Osório classificou o cargo de vereador como emprego. Foi o mais votado no pleito passado.
    # Ainda sobre o PDT. Especulou-se fortemente nesta semana o nome de Anderson Mantei como pré-candidato majoritário. Se sozinho ou com quem numa eventual chapa, aí o tempo é quem vai clarear.
    # A briga deve ser intensa, pois ao contrário do último pleito municipal, poderemos ter dois grandes nomes da saúde, na majoritária: Benvegnú e Mantei.
    # Outro partido que também chamou a atenção, foi o PMDB. É nítido o desencontro entre Cláudio Schmidt e Valdemar Fonseca nos discursos da Câmara. Parecem mais dois adversários ferrenhos, do que propriamente companheiros de sigla.
    # Orçamento do município para 2016 está projetado em R$ 298,5 milhões. Foi o que apontou a LDO, apresentada em audiência pública nesta quinta-feira na Câmara. Para 2015 a estimativa de receita da prefeitura era de R$ 276 milhões, enquanto que de 2014, o orçamento foi de quase R$ 245 milhões. Apesar dos cenários, orçamento tem ‘engordado’.
    # Uma mulher no comando da ACISAP. Cicilia Liberali vai fazer bonito na presidência da Associação Comercial em 2016. E entra para a história como a primeira mulher a presidir a entidade.
    #Amanhã tem jogo do barril, no Bairro Central. O jogo é só uma desculpa. O negócio é tomar chope. E muito chope. É a Oktoberfest engatando a sexta marcha.
    # Enquanto isso Careca canta nosso estado em Paris.
    # Antônio De Paula é pré-candidato à vereança.
    # Nasi, sem o compromisso da formalidade, começa a se mexer para manter influência no PSDB pela força de sua liderança.
    # Vicini e sua velha tática: joga o assunto no ar, sente a reação e depois dá o veredicto final. Voltou atrás e vai pagar os 2,4% previsto para a folha de setembro do funcionalismo, mas primeiro tentou convencê-los a renunciar o aumento até janeiro de 2016. A proposta seria retumbantemente rechaçada.
    # Aí Vicini sai com essa: “não vamos sacrificar o funcionalismo. Vamos pagar o reajuste de setembro”.
    # Enquete no site do Jornal Noroeste (www.jornalnoroeste.com.br) sobre a velocidade máxima na Expedicionário atualizada até ontem: 50 Km/h é defendido por 55,21% (530 votos). E 60 Km/h é a opção de 44,79% (430 votos). Vote você também.
    # Camera já demonstra na prática seu poder de reação. Dá-lhe Vanoli!