• sexta-feira, 5 de maio de 2017 07:54

    Santa Rosa não pode perder o ímpeto na busca de seu próprio aeroporto

    # Finalmente a região terá voos para Porto Alegre, mesmo não importando que seja através de Santo Ângelo. Mesmo tipo cria de burra, o longo processo já tem até datas anunciadas para a venda de passagens.
    # No entanto, Santa Rosa não pode perder o ímpeto na busca de seu próprio aeroporto. Muito pelo contrário.
    # Osmar Terra e o ministro do Turismo, que o acompanhou até Santo Ângelo no sábado, foram ameaçados por líderes sindicais que ameaçavam atacar a van que ambos tripulavam ao deixar a Prefeitura, após uma audiência com o prefeito.
    # Eu tremo de medo quando líderes sindicais proíbem o trânsito de ônibus urbanos e fecham rodovias.
    # A sexta-feira passada em Santa Rosa teve dois momentos. O primeiro, com os sindicalistas interrompendo linhas de ônibus, num ato desprezível e de imposição de ideias (deles) e trancando o trânsito na ERS-344, onde até ônibus tiveram que parar.
    # O segundo momento, que eles passaram os últimos dias divulgando, ocorreu a greve geral. Greve que de geral não teve nada. A praça reuniu no máximo 300 pessoas.
    # Vicini parece que cansou de esperar por Lina Michalski e trouxe André Stürmer para a Procuradoria Geral, deslocando Leila Piekala para a Gestão e Fazenda. Assim, dá um toque de primeiro escalão definitivo.
    # Baile de sexta-feira que vem, dia 12, que marcará a reinauguração do Clube União de Tuparendi, está com todos os ingressos esgotados. É Tuparendi retomando em alto estilo sua vida social.
    # Coca-Cola deixa de ser fabricada em Santo Ângelo. Não é a crise. É um processo de reorganização da multinacional que comprou a Vonpar. Ou é a crise?
    # Jairo Jorge, pré-candidato do PDT ao Piratini estará em Santa Rosa na manhã deste sábado. José Fortunatti, pré ao Senado, virá junto.
    # Final de semana marca o encerramento da Expofeira de Três de Maio. É a última chance para quem ainda não se deslocou até o Parque de Exposições Germano Dockhorn.
    # A milonga ‘Herança vazia’, escrita por Guanaco e musicada por Marcos Alves, consagrou-se como a música mais popular do 1º Festival de Música Nativa Flor de Maio, encerrado na madrugada de domingo passado em Três de Maio.
    # Vida longa ao festival tresmaiense.
    # Gre-Nal da Solidariedade terminou em 68 x 33 para os colorados. Deu mais de dois por um. Os colorados não sabem brincar.
    # Está de volta a triste e deplorável situação da família do menino Daniel, que só sobrevive com uma UTI em casa ou dentro de uma UTI de um hospital. A Justiça deu ganho de causa ao estado, que vinha bancando os custos.
    # O que passa pela cabeça de uma pessoa que mata um cachorro com fogo? O fato ocorreu na Vila Glória, em Tuparendi.
    # Cresce de forma preocupante o número de motoristas dirigindo alcoolizados em ruas de Santa Rosa. Só no último feriadão foram sete prisões em flagrantes.
    # É impressionante o projeto que a área de Educação da Agência de Desenvolvimento, através do jovem Felipe Diesel, desenvolve em Santa Rosa. Sugiro a leitura da entrevista desta edição sobre o tema.
    # Cultura alemã amanhã no Bairro Central, que sedia à noite, no salão da Oktoberfest o 20º Encontro de Grupos Folclóricos de Dança Alemã.

     

  • sexta-feira, 28 de abril de 2017 06:55

    Dos R$ 5 milhões em caixa, 3% vão para a folha do funcionalismo de abril

    # Miro recorreu junto ao TRE à decisão eleitoral que cassou o registro de sua candidatura.
    # Porém, ele responde outro processo na área criminal fundamentado na mesma denúncia do eleitoral (compra de votos). O Ministério Público Eleitoral manifestou-se nesta semana pedindo a integral procedência da ação, solicitando sua condenação e do eleitor citado (a figura do corrompido). O processo está na mesa do juiz eleitoral Adalberto Hommerding.
    # Vicini vem poupando desde o ano passado. E iniciou 2017 poupando. O balanço trimestral mostra que só com austeridade a Prefeitura conseguirá se manter em pé diante de despesas que não diminuem e de receitas que não crescem.
    # Dos R$ 5 milhões em caixa, 3% vão para a folha do funcionalismo de abril, conforme recente acerto entre as partes.
    # Santa Rosa perdeu dinheiro no retorno do ICMS, o principal fator de avaliação do crescimento ou decréscimo de uma economia. É o reflexo direto da crise nacional que, se não retomar o crescimento, em breve terá inflação zero. Ninguém vai comprar de ninguém.
    # Vicini deve conter o choro pelo menos até junho. No semestre entram as receitas do IPTU que, apesar da confusão das datas, manteve o mesmo índice de pagamento em parcela única verificado no ano passado.
    # Leonides Freddi, presidente do Sindilojas, é contrário à Reforma da Previdência. Esclarecido, não acha justo o trabalhador sustentar altas aposentadorias de outros setores: Judiciário, Ministério Público, servidores públicos federais, estaduais e municipais.
    # Feira do Livro termina amanhã, mas você tem ainda todo o dia de hoje para visitá-la, curti-la, ler títulos, folhear algumas obras e comprar as que te atraírem.
    # E a Greve Geral desta sexta-feira? Qual é a tua expectativa? Chegaremos a centenas de grevistas na Praça da Bandeira ou a milhares?
    # Em tempo: falar sobre o que a greve combate no Facebook não tem peso e valor nenhum. Só vale os posicionamentos na praça.
    # A classe patronal se manifestou contrária à greve, o que é natural. Aliás, nunca tivemos em Santa Rosa um clima acentuado de antagonismo entre patrões em empregados. Porém, no caso desta sexta-feira, são interesses distintos.
    # Câmara promove audiência pública interessante às 19h desta sexta-feira, na Capela do Colégio Dom Bosco, para debater a Reforma da Previdência. Sabe qual é o maior problema que a Comissão presidida por Dado Silva encontrou? Achar alguém que defenda a reforma para enriquecer o debate.
    # Vicini foi rude com as palavras direcionadas a servidores que venham fazer greve no dia de hoje, lotados nas chamadas áreas essenciais. Empregado não depende da aquiescência do patrão para participar de uma greve.
    # Expresso Toda Hora diz que tudo será normal nas linhas e horários de hoje, contanto que seja assegurada a segurança dos passageiros e funcionários. É uma alusão a eventuais piquetes. Se isso ocorrer, a greve ganhará contornos de antipatia de todos.
    # Greve faz quem quer. Greve não faz quem não quer. As regras são simples. Quem forçar a barra estará querendo mudar o jogo.
    # Sindicato dos Bancários fez acordo que garante o fechamento hoje de agências dos seguintes bancos: Banco do Brasil, CAIXA, Santander, Bradesco, Itaú e Banrisul.

     

  • segunda-feira, 24 de abril de 2017 07:41

    Tragédias nunca oferecem-nos explicações plausíveis

    # Nossa manifestação de pesar à Família Ost, de Santo Cristo, pelo trágico falecimento do juiz do Trabalho Cláudio Ost. As tragédias nunca oferecem-nos explicações plausíveis.

    # Nenhum pai e nenhuma mãe merece a quase insuportável missão de sepultar um filho. Queremos nos solidarizar com o guerreiro Canísio Ost e sua esposa.

    # Atenção região: começa na próxima quarta-feira, dia 26, estendendo-se até sábado, 29, a 13ª Feira do Livro de Santa Rosa. Venham todos quanto for possível porque o evento é de respeito.

    # É impressionante a jovialidade do quase octogenário Arnildo Rockenbach, Patrono da Feira do Livro. Com saúde de milico, esteve e está em todas as etapas de organização do evento.

    # Vale-Livro vai para o quinto ano consecutivo, o que já garante antecipadamente R$ 100 mil de negociações. Um aluno recebe R$ 20,00 e um professor R$ 25,00 para comprar livros na Feira. Este é um dos projetos mais simpáticos da história contemporânea de Santa Rosa.

    # Mesmo respeitando a opinião de todos, devo dizer que ninguém vai em direção à morte. É a morte que vem em nossa direção de um jeito ou de outro.

    # Juiz substituto da 1ª Vara do Trabalho, Vinícius de Paula Löblein é natural de Santa Bárbara do Sul. Já vinha substituindo Cláudio Ost, que estava licenciado das funções.

    # Unijuí ganha nova chance de lutar pelo curso de Medicina com anúncio de novo edital do MEC. E Santa Rosa vê aumentadas as novas chances de contar com um curso de Odontologia. Duvido que a Unijuí, se perdesse ou venha perder a medicina, renunciaria ou renunciará a formação de odontólogos. Até hoje não engoli o Curso de Engenharia Civil viabilizado por Santa Rosa, mas levado de graça para Ijuí.

    # Em 2015, ou seja, há dois exercícios atrás, as entidades assistenciais de Santa Rosa deixaram de receber R$ 1,8 milhão oriundos da destinação prevista em lei para pessoas físicas e jurídicas na Declaração do Imposto de Renda. É muito dinheiro. É muito pequena nossa conscientização.

    # Asfalto novinho, novinho da Avenida Tuparendi terá que ter parte restaurada. Os canos não suportaram a água da forte chuva que caiu na cidade recentemente. Até aí, tudo bem. Ardeu os ouvidos quando um técnico da Prefeitura disse que no aditivo de R$ 70 mil à obra de restauração, deverão ser usados tubos de maior espessura (???).

    # Proponho levar a estátua de Taffarel para o Bairro Cruzeiro, em frente ao Ginásio Pedro Odeon. Afinal, ele viveu sua infância em Cruzeiro.

    # Hoje a estátua descansa pela manhã sob a proteção do sol oferecida por parte de um painel eletrônico.

    # Hoje tem desfile das candidatas ao título de rainha da ExpoCruzeiro. Vamos?

    # Clima não é dos mais amáveis nas eleições do Sindicato dos Metalúrgicos, repetindo o antagonismo verificado no pleito passado.

    # Mano da Rosa e seus colaboradores organizaram com muita competência a 25ª Feira do Peixe. Elogios sinceros a todos.

    # Procuramos Miro, deixamos recado, mas ele não retornou. Entendemos o momento que ele está vivendo.

    # A cassação de Miro Jesse, sob acusação de compra de votos, foi movida inicialmente pelo promotor Janor Duarte. As últimas etapas ficaram a cargo da promotora Cristiane Mello de Bona.

    # Carlos Alberto Nasi é o primeiro suplente da coligação da qual fez parte o PPS de Miro Jesse.

  • quinta-feira, 13 de abril de 2017 08:07

    Os tempos são outros

    # Os tempos são outros. Dos cerca de 1,6 mil associados do Sindicato dos Servidores Municipais de Santa Rosa, apenas 180 compareceram na assembléia que deliberou sobre a proposta salarial enviada pelo executivo.
    # Grosso modo, isso significa que cada servidor presente representou outros sete no voto.
    # Em tempo: a assembleia foi realizada no Centro Cívico, com capacidade para mil pessoas. Então, 18% dos espaços foram ocupados. A próxima pode ser feita na varanda do presidente.
    # Segundo Padilha, teve ocasiões em que o sindicato reuniu mais de 750 associados em assembleia.
    # É a transferência de responsabilidade e, por incrível que pareça, chegando até nos sindicatos de classe. Já é comum e vivido em vários outros setores da nossa geração cada vez mais individualista.
    # Se somarmos o quanto é gasto em doações e recursos da Prefeitura em cada enxurrada que atinge a cidade, a conclusão óbvia indicará que uma solução definitiva se tornará mais barata.
    # O problema são os declives da nossa cidade, instalada num cerrado plaino na década de 40. Talvez o saudoso e visionário Pautilho Palhares nunca imaginasse que a cidade cresceria em tal velocidade que poucas décadas após correriam águas para o Pessegueirinho e Pessegueiro do alto de duas coxilhas.
    # Vicini já sinalizou soluções para o curto, médio e longo prazo. Não foram estimados valores, será um conjunto de obras caro, mas indispensável.
    # Denúncia contra Miro Jesse deixou esta semana o Ministério Público para ingressar na esfera judiciária. A promotora Cristiane Mello de Bona posicionou-se pela cassação do registro da candidatura. Sentença deve sair antes do final do mês.
    # O líder sindical João Roque do Santos foi condenado na instância local a pagar R$ 12 mil a duas funcionárias de uma metalúrgica local por danos morais. Recorreu e o Tribunal de Justiça manteve a condenação.
    # Fato teria ocorrido num piquete em frente à metalúrgica, onde João Roque teria criado uma situação de constrangimento às duas funcionárias. Ele se defende dizendo que suas palavras foram distorcidas.
    # Agende desde agora: 142º Almoço de Ideias no dia 26 de abril, uma quarta-feira, com Caio Cezar Fernandez Vianna, presidente da CCGL falando sobre “Projeto Cooperativo e os Reflexos na Economia do Rio Grande do Sul”.
    # No PT, valorização da mulher é na prática, com Mara Alves na presidência.
    # Cesta básica 2,32% mais barata em março. E vai ficar mais barato ainda, porque o consumidor não está comprando.