sexta-feira, 27 de outubro de 2017 08:51

Fatos da semana

# É uma especulação, mas podem levá-la a sério. Miro Jesse pode concorrer à deputação pelo PPS em dobradinha na região com Any Ortiz.

# Miro não concorreria à deputação estadual por fidelidade partidária à Any.

# Ganha cada vez mais corpo a dobradinha Terra-Vicini para 2018. A especulação iniciou como uma espécie de brincadeira, mas cresceu nas últimas semanas nas conversas de bastidores.

# Se Vicini não anuncia, nós anunciamos. Artur Lorentz será o secretário municipal de Planejamento.

# Não é minha, mas achei genial: ‘terça-feira termina o Outubro Rosa e na quarta-feira inicia o Novembro AZUL’. E nem precisa ser mais um 3x0.

# Miro Jesse licenciou-se da Câmara por um período de 15 dias. Carlos Alberto Nasi ocupa sua cadeira.

# Fernando Classmann é outro que com a absolvição de Miro no TRE, passa a ter mais fé no seu futuro.

# E dizer que foram seis quilos de galeto que atrapalharam a vida do Fernandinho.

# E não é que finalmente foi retirado o painel eletrônico da Rótula do Taffarel?

# Pontos para Sonia Conti, vereadora do PCdoB. Na Prefeitura tem pessoas, creiam, quase babam de raiva quando ouvem o nome de Sonia.

# Como Vicini não citou o nome do tal de assessor que o teria levado a mentir que existiam dois pareceres, um do Conselho Municipal de Trânsito e outro da Procuradoria Geral do Município, a dedução é que foi ele próprio que citou os tais pareceres para ganhar no grito a discussão.

# Vicini é político da velha guarda. Ainda joga com o esquecimento das pessoas.

# Mas, para encerrar o assunto, quem prefeito Vicini, incitou-a declarar como verdadeira a existência dos dois pareceres?

# Nesta semana mais uma denúncia. Ministério Público aponta erro numa licitação na Fundação Municipal de Saúde detectada pela própria Fundação.

# A denúncia é uma piada. Tiras de testar índice de glicose no sangue (diabetes) chegaram na Fundação antes de concluído o processo licitatório.

# Janor Duarte onde estás que não te vecho. Desapareceu da imprensa o baixinho mais brigador que pisou no MP de Santa Rosa.

# Dizem por aí, lá no começo do novelo de lã, que Janor Duarte estaria investigando um secretário de Vicini. Já num estágio de Ação Civil Pública.

# Mas, como Janor non hablas más, precisamos aguardar os desdobramentos.

# Se o Ministério da Defesa fechar negócio com nossos metaleiros, Santa Rosa explode economicamente.

Faça seu comentário