• sexta-feira, 2 de janeiro de 2015 10:52

    Décimo terceiro

    Trabalhadores já devem ter, em sua totalidade, recebido o 13º salário. A gratificação de Natal, como também é conhecido, foi criada em 1962 pela Lei 4.090 posteriormente regulamentada em 1965 pelo decreto 57.155 e sendo garantido pelo inciso VII do artigo 7º da Constituição Brasileira. Benefício uma vez que se caracteriza como um salário anual extra.
    Esta semana fiquei surpreso ao saber das ocultas mobilizações de vereadores para instituir o 13º salário. A Câmara de Vereadores de Porto Vera Cruz conseguiu aprovar. Os “nobres parlamentares” conquistaram um direito trabalhista. Veja só, em um município com uma população de aproximadamente 1.850 habitantes, destes nove são vereadores.Verdade, lá só é realizada uma sessão/mês e cada parlamentar trabalha uma hora. O salário fixo chega a R$ 2.065,00. Com certeza é a hora mais cara paga em nossa região.
    A Câmara de Vereadores de Santa Rosa não conseguiu aprovar. Isso não foi por falta de mobilização. Treze vereadores queriam, queriam muito, mas perderam para dois. Dani e Rufino são sérios de verdade. Veja só. A partir de hoje o grupinho de 15 entra em férias e vai continuar recebendo. E se no futuro os mesmos se sentirem prejudicados. Poderão acionar a Justiça do Trabalho?
    Afinal, vereador é um representante da comunidade ou um cargo? Se for vaga, devemos dar mais atenção para o currículo.
    Sonia Conti e Fonseca foram disparadamente os vereadores que mais apresentaram proposições. Schmidt foi o que mais denunciou. O cara conseguiu mexer e feio com o governo. Ele está comandando a tal CPI dos Tubos, o que lhe rendeu “uns bons tapas’. Mais isso aí, tudo pela verdade.
    Com certeza 2015 será motivador para o legislativo. As denúncias devem continuar e com elas projetos. Ta rolando por aí um papo de que poderemos ter vereadores enquadrados na lei. Dizem que tudo isso por uma simples ligação. #ficaadica

  • quarta-feira, 1 de abril de 2015 10:35

    Notícia boa para a região

    Sartori garante seqüência nas obras das rodovias

    O governador José Ivo Sartori esteve na terça-feira, 31, em Ijui, onde reuniu lideranças regionais para a Caravana da Transparência. Durante o encontro, realizado no auditório do Campus da Unijuí, Sartori apresentou as contas do estado.

    Durante coletiva com a imprensa, Saroti garantiu seqüência nas obras das rodovias da região. Entre elas está a ERS 344, que recebe recapeamento. Já o anúncio contempla também a RST 575, em Porto Vera Cruz e RS 867, em Senador Salgado Filho. ”Toda obra iniciada no governo passado será concluída, pois nossa prioridade é a infraestrutura”, afirmou o governador.

    O anuncio deixou os prefeitos dos municípios contentes. No trecho de Porto Vera Cruz as máquinas estão paradas. Conforme a prefeita Vanice de Mattos está sendo realizada pela empresa contratada a complementação do processo ambiental. Já Norton Matter afirmou que em Senador Salgado Filho a obra está parada, aguardando autorização do estado para ser retomada.

    Em tempo: Ainda bem que o anúncio não foi feito no dia 01 de abril, e sim no dia 31, assim temos quase a certeza de que será cumprida.