• sábado, 21 de março de 2015 13:16

    Dia Internacional da Síndrome de Down

    O nome Síndrome de Down é em lembrança ao médico britânico John Langdon Down, que descreveu o problema em 1862. A causa genética, porém, só foi descoberta em 1958, por Jérôme Lejeune, que descobriu a existência da cópia extra no cromossoma 21. A probabilidade de se ter o problema está estimada em 1 caso a cada 1000 nascimentos.

    A denominada Síndrome de Down, também chamada de trissomia 21, não é uma doença, e sim uma condição genética causada pelo cromossoma extra que aparece no par 21. Os portadores de Down possuem características físicas semelhantes e são mais propensos a determinadas doenças.

    Apresentam deficiências intelectuais que influem no aprendizado, mas também são pessoas que possuem uma personalidade pacífica, estabelecendo boa comunicação, mostrando muita sensibilidade e interesses.

    O dia 21 de março marca, anualmente, o Dia Internacional da Síndrome de Down. Esta data tem como objetivo mostrar a importância da luta dos portadores de Síndrome de Down e dos seus respectivos pais, amigos e parentes, para que tenham direitos iguais.

    A data também lembra a necessidade de inclusão dos portadores da Síndrome de Down na sociedade, respeitando suas limitações.

    Origem do Dia Internacional da Síndrome de Down

    Para que ficasse bem marcada a data, foi escolhido o dia 21 de março como o Dia Internacional da Síndrome de Down fazendo referência ao problema dos cromossomas (21/03), aludindo assim ao par 21 que possui 3 cromossomas.

    A proposta foi feita pela Down Syndrome International, seguindo ideia de Stylianos E. Antonorakis, geneticista da Universidade de Genebra, estudioso do assunto, e foi referendada pela Organização das Nações Unidas, fazendo parte do seu calendário oficial e comemorada por todos os países-membros.

    A APAE de Santa Rosa precisa da sua ajuda para manter cerca de 200 alunos com necessidades especiais.

    Ajudar faz bem!

    “Eu sou diferente de você

    Você é diferente de mim

    Mas tenho certeza que você vai gostar de mim”

    Vamos lá!

    Confira um vídeo muito especial que fiz na APAE:

     

     

  • sexta-feira, 20 de março de 2015 18:29

    Desfile Mama Viva e FUMSSAR

    Aproximadamente 300 mulheres se reuniram na tarde desta sexta-feira, 20, no Parque de Exposições em um evento especial para as mulheres.

    A programação iniciou com palestras, teatro, desfile de moda e seguiu com baile de máscaras com marchinhas antigas de carnaval.

    A animação ficou por conta da percussão da Etnia Afro.

    O evento promovido pela FUMSSAR e Grupo Mama Vivo foi um sucesso.

    Mulheres que passaram por histórias de superação, mostram que a vida é bela.

    Desfilar com um sorriso estampado no rosto e com fé no coração.

    O câncer é uma página virada na vida de cada uma delas, com certeza.

    Parabéns aos organizadores.

  • quinta-feira, 19 de março de 2015 16:07

    Doce de Poesia

    A palavra "poema" deriva do verbo grego "poein" que significa "fazer, criar, compor".

    A palavra “poesia” vem do termo latim poesis, que significa manifestação da beleza da palavra.

    Esses dois conceitos se fundiram na tarde desta quarta-feira, 18, no Mercado Público de Santa Rosa. A patronesse da 11ª Feira do Livro, Maria Inez Pedroso e integrantes do Grupo de Teatro Ativar surpreenderam clientes que acessavam a porta principal de acesso ao Mercadão com uma ação cultural.

    Atores vestidos de cozinheiros, com panelas cheias de trechos impressos de poesias, arrancaram sorrisos e declarações de amor pela literatura.

    “Doce de poesia” foi o carro chefe dos cozinheiros.

    De acordo com Maria Inez, a ação buscou aproximar as pessoas da literatura. “Ler faz bem para a alma” relata.

    Foram entregues cerca de 100 “doces de poesias”.

  • terça-feira, 17 de março de 2015 22:20

    Se liga na liga

    A Liga Feminina de Combate ao Câncer de Santa Rosa promove evento em busca de novas voluntárias. Na próxima quinta-feira, 26, o auditório da ACISAP sediará o encontro “se liga na liga”.

    Conforme a presidente da Liga, Serlita Moraes, o objetivo do projeto é de aumentar o número de voluntárias, para que as ações da entidade sejam intensificadas.

    A partir das 19h o grupo realiza a recepção das interessadas com um coquetel.

    • Arquivo Pessoal/Luzan Traesel Arquivo Pessoal/Luzan Traesel
    • Arquivo Pessoal/Luzan Traesel Arquivo Pessoal/Luzan Traesel
    • Arquivo Pessoal/Luzan Traesel Arquivo Pessoal/Luzan Traesel
    • Arquivo Pessoal/Luzan Traesel Arquivo Pessoal/Luzan Traesel
    • Arquivo Pessoal/Luzan Traesel Arquivo Pessoal/Luzan Traesel
    • Arquivo Pessoal/Luzan Traesel Arquivo Pessoal/Luzan Traesel