• quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016 10:28

    Celulite estética atinge 96% da população feminina

    A celulite estética (HIDROLIPODISTROFIA GINÓIDE ) é perturbadora dos contornos corporais de 96% dos corpos femininos . A pele fica com aspecto de casca de laranja e se apresenta nas regiões que acumulamos mais gordura como: coxa, quadril , glúteos e abdomem . São mais frequentes nos corpos femininos devido alterações hormonais e a grande pré disposição genética . Ainda devemos fazer referência ao sedentarismo ; tabagismo; dietas ricas em sal,gorduras , carboidratos,embutidos;excesso de peso, pouca injesta de líquidos e estresse.

    Os desejos de pele lisa ,contornos corporais bem definidos fazem o mercado da estética vender sonhos e tratamentos com efeito cinderela . Embora hoje exista profissionais trabalhando para o seu cliente ter uma reestruturação global ,sem arriscar seu corpo e com tempo para resposta terapêutica . Isso nos remete a estruturar junto ao cliente suas possibilidades de melhorar seu estilo de vida, a fazer exercício, a alimentar-se adequadamente e a se inserir em tratamentos com cuidados constantes para melhora da pele . Isso significa nutrir a pele, hidratar e melhorar a eslasticidade .

    “ Na minha experiência clinica ofereço tratamentos com protocolos específicos para aquele biotipo de paciente . Avalio o paciente e observo até onde podemos chegar com minha proposta terapêutica e a partir daí conseguimos firmar uma parceria de cuidados corporais , com tecnologia específica , avançada e segura. “

    O mercado oferece inúmeros aparelhos que melhoram o fluxo sanguíneo , a elasticidade e que permitem trabalhar a estrutura do colágeno .Além disso, já conseguimos utilizar produtos tecnológicos no consultório e para uso domiciliar.

    Com conhecimento científico, experiência clinica e a participação do paciente conseguimos chegar a 90% de eficácia nos tratamentos . Por isso, sempre é tempo de cuidar do seu corpo.

  • quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016 09:42

    Dica para as mulheres:

    Usar sutiã mais de duas vezes sem lavar faz mal à saúde. Entenda a razão

    Além de proteger os seios, garantir sustentação, ser um artifício de sedução e evitar deslizes na hora de compor um visual, o sutiã é peça fundamental no guarda-roupa de qualquer mulher. Além de saber escolher corretamente qual tipo de sutião combina com seu corpo, você ainda deve prestar atenção à forma com a qual lava a lingerie.

    Nem todas as mulheres sabem, mas especialistas afirmam que usar o mesmo sutiã mais de duas vezes seguidas sem lavar pode fazer mal à saúde. O corpo humano é fonte de calor e, por isso, costuma abrigar diversos tipos de bactérias. Os seios e as axilas, áreas que entram em contato direto com o sutiã são quentes e, por isso, a peça deve ser trocada e higienizada corretamente.

    Lavar o sutiã na máquina de lavar não é recomendável, já que, por ser bastante delicado, pode ter sua elasticidade afetada e ter sua vida útil diminuída. Para limpar a peça sem provocar estragos, você pode conhecer 7 dicas de lavagem simples que não estragam a peça e não roubam seu tempo.

    1. Sabão em pó ou líquido: prefira as fórmulas próprias para água fria, sem perfume e sem corante (informações especificadas na embalagem). Eles não provocam desbotamento e contêm menos substâncias químicas que possam causar alergias.
    2. Abotoe o sutiã para evitar que os fechos enrosquem em outras peças ou torçam muito.
    3. Coloque a peça dentro um saco específico para lingerie, que protege o tecido, o bojo e os arames da estrutura. Se não tiver, você pode utilizar uma fronha de travesseiro bem fina: coloque o sutiã dentro e dê um nó.

     

    1. Coloque modo de lavagem da máquina no mais suave possível - com temperatura baixa e centrifugação leve.
    2. Separe as peças por cor antes de colocar na máquina (para não correr o risco de alguma delas acabar manchada) e procure lavar somente peças leves - camisas, meias e pijamas, por exemplo.
    3. Nunca coloque os sutiãs na secadora - a movimentação intensa pode esgarçar o tecido e estragar o bojo.

     

    1. Ao retirar da máquina, pendure as peças no varal para que elas sequem naturalmente. Para evitar que o sutiã deforme, pendure pelo centro (a parte de tecido entre as duas taças)
  • quarta-feira, 20 de janeiro de 2016 15:14

    Cabelos, a diferença entre os cuidados

    Hoje vamos falar sobre uma duvida que, frequente entre as mulheres, gera assunto e mesmo após conversar e conversar, não chegam a uma conclusão.

    Você sabe qual é a diferença entre, hidratação, reconstrução e nutrição capilar?

    Estas diferenças ficam muito mais explicitas nesta época do ano, onde a mulherada quer curtir as férias junto a piscinas, mar, lagoas, rios, sem falar no banho de sol... Mas muito bem, vamos diferenciar cada cuidado:

    Hidratação: quando falamos em hidratação, lembramo-nos de água (H2O), assim como nosso corpo o cabelo também precisa de hidratação, reter líquido dentro do fio, para que o mesmo fique maleável. Então para isto existem os produtos, mascaras hidratante, nestes devem conter indicações nos rótulos, de um ou mais ativos que vou citar para vocês:

    • Extratos vegetais de plantas e/ou frutas;
    • Pantenol
    • Glicerina
    • Aloe Vera (Babosa)
    • Silicones
    • Vitaminas (Principalmente do complexo B)
    • Mel e Açucares.

    Reconstrução: está é constituída de proteína (queratina) e aminoácidos, que juntos formam o fio de cabelo, a sua reposição através de reconstrução pode ser chamada também de queratinização, nada mais é do que uma reposição de massa, não confere brilho nem maleabilidade, mas sim resistência aos fios, podendo deixa-los com aspecto rígido, por isso depois de uma reconstrução, sempre é importante usar uma boa mascara hidratante, para devolvermos leveza conforme vimos no paragrafo acima. Aqui é importante salientar que a queratina em excesso pode levar a quebra do fio, por isso use-a com cautela. Produtos para reconstrução devem conter em seus rótulos:

    • Queratina
    • Creatina
    • Arginina
    • Cisteína
    • Colágeno
    • Proteína Hidrolisada do Trigo, Milho, etc...
    • Aminoácidos

    Nutrição: esta lembra de alimentação, nada difere novamente do corpo para o cabelo, a nutrição nada mais é que a reposição de lipídios ou seja gordura nos fios, devolvendo brilho e pode ser feita com óleos vegetais ou com máscaras nutritivas, nesta formulação é importante atentar para os seguintes componentes, indicados nos rótulos:

    Óleos Vegetais (óleo de argan, macadâmia, amêndoas, coco, linhaça, semente de uva...)

    • Ceramidas
    • Manteigas Vegetais ( karité, cupuaçu, abacate, cacu...)
    • Tutano Vegetal ou Animal
    • Ceramidas

    Espero ter ajudado, e lembre-se na duvida procure um profissional com formação e que possa lhe auxiliar no tratamento correto para suas madeixas.

    Curtam a página do salão no face book, Jeferson Scherer Hair Style, https://www.facebook.com/JefersonSchererHairStyle/?ref=hl

    E deixe suas duvidas ou sugestões de assunto no comentário logo abaixo da matéria, quem sabe, o nosso próximo assunto é o seu.

    Jeferson Scherer

    Graduado em Estética e Imagem Pessoal

    Cabelereiro, maquiador, junto ao Spa Vivar e Orientador do Senac Santa Rosa

  • quarta-feira, 20 de janeiro de 2016 09:00

    Fritz & Frida dá a largada em receitas de 2016 com salada multicereais

    Chef

    Retamozo comanda a Maria Bolachinha - Deliciaria Exclusiva, empresa com sede em Porto Alegre (RS) e especializada em pratos artesanais, sobretudo doces de raiz brasileiros e gaúchos.

    SALADA MULTICEREAIS

    Rendimento: 4 porções

    Ingredientes:

    1 cebola grande picada

    100g de tomate cereja

    50ml de azeite

    50g de ervilha partida Fritz & Frida

    50g de grão de bico Fritz & Frida

    50g de lentilha Fritz & Frida

    2 colheres (sopa) de linhaça dourada Fritz & Frida

    Pimenta do Reino Fritz & Frida a gosto

    Sal Fritz & Frida a gosto

    Temperinho verde a gosto

    Suco de 1 limão

    Preparo:

    Hidrate os cereais por pelo menos duas horas. Escorra e cozinhe-os, em separado, respeitando seus tempos específicos de cozimento (grão de bico: 20 minutos; lentilha: 15 minutos; ervilha: 10 minutos). Retire-os do fogo quando estiverem "al dente". Lave com água fria, escorra cada um deles, adicione um fio de azeite e reserve. Misture o mix de cereais com os demais ingredientes, tempere com azeite, limão, sal e pimenta do reino e sirva geladinho.