• sexta-feira, 8 de maio de 2015 07:21

    Profissão Mamãe: como equilibrar Amor e Limite

    Ninguém disse que educar os filhos era tarefa simples. As crianças estão cada vez mais evoluídas, sobrecarregadas de informações de todos os lados e dar limites sempre foi e será uma grande missão.

    Não pise no sofá. Não brigue com sua irmã(o), não faça bagunça. Quantos nãos! Sim, os comandos diários são necessários, porém não podemos apenas nos embasar neles para construir um cidadão preparado para o mundo real.
    “Educar exige dedicação e para impor limites saudáveis os pais precisam estar presentes emocionalmente também. Presentes na hora de brincar, na hora da alimentação, na hora do estudo e do sono”, ressalta Rodrigo Fonseca, presidente da Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional (SBie).

    O obvio às vezes não é tão fácil de enxergarmos quando estamos em uma situação viciosa, isto é, educando da maneira como fomos educados. Segundo Rodrigo, pesquisas recentes no exterior, mostram que hoje as crianças entre 07 e 08 anos, por exemplo, possuem mais informações em sua mente do que um imperador romano naquela época. Uma sobrecarga de informação desumana para nós adultos, e muito mais ainda para os pequenos, que precisam de diretrizes dos pais para lidarem com suas emoções de maneira adequada, devido ao gigantesco estimulo que hoje sofrem.
    E nesta correria frenética que estamos vivendo, dividindo o tempo entre trabalho, casa e família, muitas mamães acabam se atrapalhando com suas próprias emoções, inseguranças, medos e alegrias, lançando assim mão da tecnologia e de presentes sem data especial ou necessidade, apenas para distrair seus filhos e ganhar tempo para outros afazeres.
    “O mecanismo de compensação é uma linha muito delicada dentro do relacionamento interpessoal, que começa cedo em casa e será nossa referência mais tarde na vida adulta. As mamães estão muito mais protetoras do que antigamente, as da geração X então, nem se fala. Aquelas que tiveram pais mais severos, hoje querem compensar tudo aquilo que não receberam de seus pais, dando tudo e mais um pouco aos seus filhos, através de um amor exacerbado e sem saber distinguir a diferença entre opressão e frustração”.
    As crianças precisam de limites, frustrações e regras, pois se não tiverem esses importantes aprendizados enquanto o seu cérebro está mais propicio ao aprendizado, provavelmente não aceitarão isso mais tarde e se tornarão adultos deprimidos, egoístas ou até psicopatas. O mundo real é desafiador, ele nos frustra, nos coloca limites e regras, só que sem o amor de uma mãe ou pai, afirma o presidente da SBie.
    Ser mãe, pai ou cuidador é um exercício diário e requer muita Inteligência Emocional para as Mamães e Filhos. Confira as dicas do presidente da Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional, Rodrigo Fonseca:
    - Primeiramente, temos que entender que criança tem que ter horários para tarefas e lazer adequados a sua idade. Estudar e brincar. Ajude seu filho a descobrir algum hobby que goste, sem impor aqueles que você gostava ou queria na sua infância, mas não pôde realizar.
    - Priorize os seus horários e dos seus filhos. A organização é fundamental para qualquer época da vida, principalmente, na infância. Hoje, é comum vermos crianças estressadas, com pressão alta, obesas ou colesterol alto - doenças essas, que são de fundo emocional - e que muitas vezes são iniciadas por uma vida infantil sem regras.
    - Alimentação. Regras básicas como horários certos para comer e alimentação saudável devem ser estabelecidas pelos pais, e não pelas crianças. Claro, nada é engessado, quando se trata de aniversários ou datas especiais, desde que combinado antes entre pais e filhos.
    - Relação Interpessoal. É importante que os pais incentivem os relacionamentos com amiguinhos e familiares da mesma idade. Passeios ao ar livre, contar histórias ou brincadeiras lúdicas são ótimas para estimular a interatividade. Saia um pouco do sedentarismo e da tecnologia que já estão excessivos na vida das crianças.
    - Tecnologia. O problema nunca foi a tecnologia. Os pais é quem decidem e devem negociar com seus filhos horários de brincar nos games, celulares ou computadores, como também supervisionarem o conteúdo dos mesmos.
    - Sono. Hoje em dia tem muitas crianças que dormem a hora que querem, na maioria das vezes na cama dos pais ou assistindo TV ou Tablet. Regras são regras e elas são muito pequenos para decidirem o que é melhor para si ainda. A educação é um processo fundamental para criarmos uma sociedade saudável, e que deve acontecer dentro de casa por meio de momentos de amor e limites, na mesma proporção.
    Artigo de Rodrigo Fonseca, presidente da Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional

  • quinta-feira, 7 de maio de 2015 07:58

    Feira de Oportunidades Senac

    Está acontecendo no Senac desde o dia 4, segunda-feira a 10ª Feira de Oportunidades, que já é considerada uma das mais importantes ações de incentivo a educação no Estado, tendo como obejtivo qualificar e orientar gratuitamente o maior número de pessoas.
    São palestras, workshops e oficinas e os principais temas abordados são: Mercado de Trabalho, Idiomas e Beleza, além da palestra "Aprender é Mudar" e os participantes recebem certificado.
    Hoje estivemos prestigiando a palestra sobre Tendências da Moda Outono/Inverno 2015 com o orientador Jeferson Scherer e desfile de moda dos alunos que vestiram look D'Grau.
    Jeferson encerra sua participação na Feira de Oportunidades falando sobre o tema "Etiqueta a Mesa", na sexta-feira,8 ás 10 horas.

  • segunda-feira, 4 de maio de 2015 11:12

    A IMPORTANCIA DA ÁGUA

    Entre tantos recursos naturais, um de absoluta importância para nossa sobrevivência é a Água.

    Porém, o que se acreditava ser um recurso natural inesgotável está se esgotando, graças à ignorância e imprudência de uma sociedade consumista e despreocupada que por muitos anos se preocupou apenas em satisfazer seus gostos e suas necessidades. Somente de uns anos para cá que a população começou a entender que se não tomarmos cuidado, vamos acabar sem água. Um exemplo clássico disso é o que esta ocorrendo em São Paulo, onde a maior cidade do país esta ficando sem água, fruto da falta de chuvas, somado com a falta de investimos públicos e privados, e ainda adicionando a grande falta de consciência de algumas pessoas.

     

    Esse fato que hoje acontece em São Paulo, não é isolado, temos muitas cidades grandes ou pequenas que estão em situação semelhante, o que está obrigando as pessoas a rever os seus conceitos de consumo e gestão da água.

     

    Diante desta realidade a Q’Lar Tec Fibras esta trabalhando para oferecer as famílias, empresas e ao poder publico soluções para aproveitamento, armazenamento e tratamento da água.

     

    Hoje estamos focados em duas linhas sendo uma a de Reservatórios de Água e no Tratamento de Esgoto.

    No segmento de reservatórios de água estamos fabricando tanques de 2.000 e 3.000 litros que são utilizados para transporte de água. Fabricamos caixa de água e cisterna nos tamanhos de 250 L até 30.000 L, também produzimos sob encomenda, conforme a necessidade do cliente. Sendo que além de caixa principal, esses reservatórios podem ser usados na coleta das águas da chuva, armazenando água para atividades domésticas e/ou sanitárias. Hoje as caixas em Fibra são a melhor alternativa devido ao seu custo beneficio em relação às demais existentes no mercado.

    No segmento de Tratamento de Esgoto, fabricamos Fossas Sépticas e Filtros Anaeróbios, sendo essas unidades de tratamento primário e secundário de esgoto doméstico nas quais são feitas a separação, filtragem e a transformação físico-química da matéria sólida contida no esgoto. Este processo é importante, pois torna o esgoto residual com menor quantidade de matéria orgânica removendo cerca de 75% da demanda biológica de oxigênio e o mesmo agora pode ser lançado de volta à natureza, com menor prejuízo à mesma ou sendo utilizado para irrigação subterrânea e também de superfície de jardins, hortas, e pomar.

     

    Desse modo a Q’Lar Tec Fibras tem como lema “trabalhando para o conforto e sustentabilidade do seu lar” buscando construir uma sociedade mais sustentável, com a garantia de dia melhores, sem a falta de um bem tão preciso.

     

  • quinta-feira, 30 de abril de 2015 10:07

    Tortilha de limão com ricota

    Para quem curtiu a foto que postei no facebook e pediu a receita da deliciosa Tortinha de Limão, aqui está:
    Tortilha de limão
    Ingredientes
    1 leite condensado
    1 creme de leite
    200 gr de ricota
    2 gemas
    6 colheres de açúcar
    1 limão e meio taiti ou ciciliano (isso deve render 1/2 xícara de suco de limão)
    2 pacotinhos de bolacha de maisena (350 gr.)
    1/2 tablete de manteiga sem sal
    Modo de preparo
    Fazer uma farofa das bolachas no liquidificador ou processador. Quando estiver pronta a farofa acrescente a manteiga e misture com a mão formando uma massa, já faz isso na forma de fundo removível, e vai forrando o fundo e as laterais, formando uma caminha.
    Na batedeira bater as gemas e o açúcar formando uma gemada, após acrescente a ricota e bata mais um pouco.
    Coloque na forma em cima da massa e leve ao forno por uns 15 minutos (forno pré aquecido).
    Enquanto isso bata no liquidifcador: o leite condensado, o creme de leite e o suco de limão.
    Tire a forma do forno, derrame o musse de limão em cima e leve mais 15 minutos ao forno.
    Espere esfriar, leve a geladeira e na hora de servir desenforme.
    Decore com lascas de chocolate branco ou raspas de limão.
    É uma delícia!

    Ótimo feriado a todos!!!!