quinta-feira, 26 de abril de 2018 08:30

Coloração

Coloração

Os dois tipos de coloração mais populares:

Em todo encontro de mulheres é impossível não falarem de, ou, sobre cabelos, hoje então vamos dar mais assunto para estas rodas de conversas que são tão prazerosas. Vamos falar sobre coloração dos cabelos, permanente, semipermanentes e seus resultados bons e maus nos fios de cabelos.

A coloração permanente possui a amônia, que tem como função abrir a cutícula do fio para penetrar os pigmentos da nova cor no cabelo. Como o próprio nome já diz, o produto tem ação duradora, sendo necessário o retoque de raiz conforme o crescimento capilar de 15 a 20 dias. A química agride os fios, mas nada que um produto profissional e trabalho de hidratação, reconstrução e nutrição capilar não resolva para devolver a saúde e brilho das madeixas.

Esse tipo de coloração tem poder de clareamento, ou seja, é ideal para mulheres que querem uma mudança radical nos fios.

Mas existem regras: a coloração permanente clareia até três tons. Por exemplo: se o seu cabelo é um castanho escuro (4.0), o máximo que você vai conseguir alcançar é um loiro médio (7.0). Vale lembrar que o produto também cobre cerca de 100% dos cabelos brancos.

É importante também ressaltar que coloração não clareia coloração. O clareamento de cabelos já quimicamente coloridos deve ser feito com pó descolorante e peróxido de hidrogênio (%), nossa popular ox, observando a volumagem da mesma.

Portanto se você já tem alguma cor nos fios e pretende mudá-la, será necessário o processo de decapagem. A técnica consiste em fazer a limpeza da cor para que uma outra nuance seja aplicada.

O tonalizante não tem poder de clareamento, por isso essa não é a melhor escolha para mulheres de cabelos escuros que pretendem ficar loiras. A coloração sem amônia tem ação superficial, formando uma camada de pigmento em volta do fio, portanto, não agride as madeixas, mas sua duração -dependendo do fabricante - é de apenas 30 lavagens.

Para as donas de fios mais claros que pretendem escurecê-los, a coloração sem amônia é uma forma prática e rápida de obter o resultado com a vantagem de não danificar os cabelos. O tonalizante também proporciona um banho de brilho incrível, deixando as madeixas com aquele efeito espelhado que a gente tanto gosta.

Quem já sofre com os fios brancos, saiba que o tonalizante cobre até 50% dos cabelos na cor. Se você já tem mais do que isso, deve optar pela coloração permanente.

Lembre-se sempre de ter a opinião de um profissional da área antes de fazer alguma alteração, nos cabelos. Receita caseira só dá certo para bolos.

Jeferson Scherer - Cabeleireiro, Maquiador, Docente dos cursos de beleza do SENAC, Santa Rosa e da Graduação em Estética e Cosmética da UNIJUI, Ijuí. Graduado em Estética e Imagem Pessoal, Pós Graduado em D

Faça seu comentário