Home500 anos da Reforma Luterana sexta-feira, 22 de setembro de 2017 16:01

Cidade se prepara para os 500 anos da Reforma Luterana

Colégio Da Paz promove eventos integrados com a Comunidade, com intuito de refletir sobre a importância do movimento para a sociedade e os frutos colhidos neste período.

A contar de ontem, 21, estamos a 40 dias das festividades da Reforma Luterana. Para isso o Colégio Da Paz promove eventos integrados com a Comunidade, com intuito de refletir sobre a importância do movimento para a sociedade e os frutos colhidos neste período.

Segundo a coordenadora pedagógica do Da Paz, professora Dinara Amaral Ehlert, durante estes 40 dias diversas ações de reflexão estarão acontecendo. A primeira delas ocorre no domingo, 01 de outubro, quando será instalado na escola um painel da contagem regressiva para os 500 anos. Alunos e professores, com a participação de pastores da Comunidade Evangélica, iniciam a preparação para o Caminhada Da Paz pela Paz, que ocorrerá no dia 28 de outubro e terá como tema a vida de Lutero.

Há 500 anos, a Reforma Luterana (Reforma Protestante) causou uma revolução social e política na Alemanha, e suas consequências difundiram-se no mundo através da arte, cultura, educação, ciência, mas, principalmente, no processo de consciência individual. Martinho Lutero é uma figura central da Reforma. Em outubro de 1517, o jovem monge, teólogo e professor enviou ao seu bispo 95 teses sobre questões teológicas que desejava debater abertamente, em Wittenberg, Alemanha, criticando determinadas práticas abusivas promovidas pela ou em nome da Igreja. Lutero questionava, principalmente, o comércio de indulgências por membros do clero. O impacto das teses foi imediato, causando uma revolução religiosa, iniciada na Alemanha, que se estendeu pela Suíça, França, Países Baixos, Reino Unido, Escandinávia e algumas partes do Leste Europeu, principalmente os Países Bálticos e a Hungria. Abalou as estruturas do catolicismo, originou o protestantismo e contribuiu para o nascimento de outras religiões.

Um movimento mundial está comemorando o jubileu da Reforma Protestante em 2017. As atividades internacionais e nacionais são intensas, pois cerca de 75 milhões de luteranos e 900 milhões de protestantes espalham sua fé em um mundo que foi transformado pela Reforma. Entre as consequências do movimento, está a unificação da língua alemã, impulsos importantes ao setor de educação, a liberdade de consciência do indivíduo e o conceito atual de profissão.

Faça seu comentário