HomeEducação & Cultura sábado, 8 de julho de 2017 10:20

EMEI Bem-Mi-Quer fica onde está

A proposta de Paulinho teve respaldo dos demais 14 vereadores que, além de aprovarem, subscreveram a matéria.

Por unanimidade, os vereadores aprovaram proposta do vereador Paulo Roberto dos Santos, presidente da Câmara, indicando a permanência da extensão da Escola de Educação Infantil (EMEI) Bem-Me-Quer, que se encontra em funcionamento junto a um prédio do Colégio Salesiano Dom Bosco. Propôs ainda que, se necessário, que a Administração faça uso dos recursos financeiros oriundos das devoluções efetuadas pela Câmara para fins de pagamento de aluguel e manutenção do referido educandário.
Segundo Paulinho, transferir a EMEI para as dependências do Colégio Liminha não resolve o problema de vagas. O espaço junto ao Dom Bosco, inaugurado em 2014, atende de forma adequada mais de 200 crianças.
Para Paulinho dos Santos, é possível a manutenção da atual estrutura, com apoio financeiro da Câmara, fruto da política de economicidade posta em prática pela Mesa Diretora e a abertura de novas vagas em uma nova EMEI no prédio do Liminha. A proposta de Paulinho teve respaldo dos demais 14 vereadores que, além de aprovarem, subscreveram a matéria.

Faça seu comentário