HomeGeral terça-feira, 15 de maio de 2018 15:43

IFFar abre inscrições para Curso Superior

O início das aulas está previsto para o segundo semestre do ano letivo de 2018.

O IFFar abriu na quarta-feira, 10, as inscrições para o processo seletivo para o curso superior de Formação Pedagógica de Professores para Educação Profissional. O período de inscrições encerra no dia 08 de junho. São ofertadas 40 vagas para Santa Rosa. Para concorrer o candidato deverá ser portador de diploma de curso superior de bacharelado ou de tecnologia. O início das aulas está previsto para o segundo semestre do ano letivo de 2018. A duração do curso será de dois anos. A periodicidade de oferta será anual. IFFar abriu hoje (10) as inscrições para o processo seletivo para o Curso Superior de Formação Pedagógica de Professores para Educação Profissional, na modalidade de Educação a Distância. O período de inscrições encerra no dia 08 de junho.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas na Coordenação de Registros Acadêmicos do Campus de Santa Rosa. O objetivo geral da Formação Pedagógica de Professores para Educação Profissional é formar professores, em nível superior, para exercer a docência na modalidade de Educação Profissional, capacitados para atuar no ensino técnico de nível fundamental e médio. O curso será desenvolvido na modalidade a distância, através de acesso a um ambiente virtual de ensino-aprendizagem (AVEA), disponibilizado aos alunos através da Plataforma Moodle.

Ele está estruturado em quatro semestres, possuindo uma carga horária total de 1040 horas, com Estágio Curricular Supervisionado, a ser realizado desde o primeiro semestre. A criação do curso foi aprovada pela Resolução Ad Referendum n° 002, de 07 de março de 2016, e homologada pela Resolução nº 011, do Conselho Superior (CONSUP) do IFFar, de 30 de março de 2016.

A totalidade das vagas ofertadas será distribuída da seguinte forma: 60% das vagas serão destinadas à Política de Ações Afirmativas do IFFar e 40% das vagas serão destinadas à Ampla Concorrência. A pontuação final do candidato corresponderá ao somatório de pontos obtidos a partir da análise documental do curriculum vitae. No entanto, a não pontuação no curriculum vitae não implica eliminação do candidato, podendo o mesmo, desde que cumpra as exigências do edital, ser classificado.

A lista de classificados em 1ª chamada está prevista para o dia 13 de julho.

 

Faça seu comentário