HomeGeral sexta-feira, 6 de julho de 2018 15:55

Um ‘chapa’ ganha caminhonete da Cotrirosa

Chico, como é conhecido, diz que sua profissão é a de estivador autônomo, muito mais conhecido na região como ‘chapa’ (ajudante de caminhão free-lancer, que aguarda na beira da estrada por motoristas caminhoneiros para prestação de serviços de carga e descarga).

A vida de Sergio Luiz da Rosa, 45 anos, teve dois acontecimentos extremos em três dias. Na sexta-feira, 29 de junho, dia do aniversário da Cotrirosa, faleceu seu pai. E, no domingo, 01, durante o sorteio da promoção de aniversário “50 Anos - 50 Prêmios da Cotrirosa” ele teve seu nome anunciado como contemplado com o prêmio principal: uma caminhoneta S-10 cabine dupla.

Chico, como é conhecido, diz que sua profissão é a de estivador autônomo, muito mais conhecido na região como ‘chapa’ (ajudante de caminhão free-lancer, que aguarda na beira da estrada por motoristas caminhoneiros para prestação de serviços de carga e descarga). Está há 24 anos na profissão. Seu ponto está localizado na ERS-344, em frente ao Posto Coopermil (ao lado da Steffen Pneus).

Seu sonho mais recente era o de comprar uma bicicleta motorizada para facilitar o deslocamento até o ponto de chapas. Agora, com a caminhoneta, já pensa em adquirir sua casa própria. Ele mora com a esposa Elenir e duas filhas, de 12 e 17 anos, numa pequena residência construída no fundo do terreno de sua mãe. A esposa atualmente está sem emprego.

Faça seu comentário