HomePolítica sexta-feira, 19 de maio de 2017 08:10

MP pede condenação de Classmann

Promotora Cristiane Mello De Bona pediu a procedência, com aplicação da inelegibilidade por oito anos, além de multa.

O Ministério Público Eleitoral de Santa Rosa entregou na quarta-feira, 17, as alegações finais da Ação de Investigação Judicial Eleitoral envolvendo o ex-vereador Fernando Classmann (PTB). A promotora Cristiane Mello De Bona (FOTO) pediu a procedência, com aplicação da inelegibilidade por oito anos, além de multa. O processo ainda tem outros três demandados, que segundo a denúncia atuaram como assessores de Classmann no caso. Para eles o MP também pede condenação.

A defesa dos quatro citados teve até o final da tarde de ontem, 18, para entregar as alegações finais, das quais o Jornal Noroeste não teve acesso. Agora o processo fica concluso para que o juiz Adalberto Hommerding possa julgá-lo, o que deve ocorrer na próxima semana. O Ministério Público, através do promotor Janor Duarte, denunciou o candidato a vereador e seus assessores eleitorais por compra de votos. Provas seriam embasadas em receptações telefônicas autorizadas pela Justiça.

Faça seu comentário