HomeRetrospectiva 2017 sexta-feira, 29 de dezembro de 2017 10:30

Setembro: O adeus a Valdir Ribeiro, a voz símbolo do nativismo

O comunicador da Guaíra FM estava com 69 anos e lutava contra um câncer.

O mês de setembro foi recheado de acontecimentos registrados pela equipe de jornalismo dos veículos de comunicação da Noroeste. Mas nenhum foi mais marcante do que a morte do colega Valdir Nilson Ribeiro, ocorrido no mês em que se comemora o Dia do Radialista e o Dia do Rádio. O comunicador da Guaíra FM estava com 69 anos e lutava contra um câncer. Em 2012, Ribeiro foi reconhecido no plano estadual com a concessão do Prêmio Vitor Mateus Teixeira, da Assembleia Legislativa. O apresentador do Programa nativista América Canta, no ar há 30 anos, era um defensor da cultura riograndense, sulamericana e do Musicanto. Aliás, falando no festival, dias após o prefeito Alcides Vicini anunciar a suspensão da edição de 2017 por falta de recursos, a Comissão Central da Fenasoja reuniu a imprensa para informar que a feira estaria incorporando o festival, que vai para sua 28ª edição. E por falar em anúncio, a Alibem e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) anunciaram em setembro a assinatura de contrato de financiamento no valor de R$ 16 milhões, que permitirá a ampliação em 36% da capacidade de abate da unidade de Santo Ângelo do frigorífico e a modernização e melhorias na infarestrutura da planta de Santa Rosa, que receberá R$ 5 milhões em investimentos.

E foi em setembro que a Empresa Jornalística Noroeste anunciou o show da dupla sertaneja Jorge e Mateus, realizado em novembro em Santa Rosa. A apresentação, numa parceria com a Open 24, marcou os 46 anos da EJN e a migração da Rádio Noroeste para o FM. Após o anúncio, foi grande a procura por ingressos, o que já sinalizava o grande evento que a atração seria para toda a região.

A ExpoCruzeiro, em sua 6ª edição, foi realizada com pleno êxito. Comandada por Vladimir da Rosa, a feira contou com 50 expositores e recebeu cerca de 20 mil visitantes, ficando dentro das expectativas. Mas o que não ficou no esperado, foi a arrecadação do IPTU de Santa Rosa. Após o vencimento da última parcela, a Fazenda revelou que foram arreacados cerca de R$ 16 milhões dos R$ 24 milhões projetados para 2017.

E no campo político, o destaque foi para a criação da CPI para investigar a instalação de painel eletrônico na Rótula do Taffarel, que recebeu na Câmara oito assinaturas na proposta apresentada pela vereadora Sonia Conti. Também, a expedição de uma liminar pela 1ª Vara Civil de Santa Rosa, afastou do cargo o vereador Marino Martins (PP), citado pelo Ministério Público ainda em 2016, no Caso Limpa Fossa. Suplente da bancada, Marino havia assumido uma cadeira na Câmara em janeiro. Com seu afastamento, o Legis-lativo convocou Fernando Classmann (PTB) que também possuía condenação em primeira instância por compra de votos.

Em setembro, a prefeitura anunciou oficialmente o surgimento de mais uma escola de Ensino Fundamental, a ser instalada a partir do ano letivo de 2018 no antigo colégio Santa Rosa de Lima, o Liminha. Conforme a Secretaria de Desenvolvimento Educacional, serão 200 novas vagas, sendo de turno integral para os alunos de 1º ao 3º ano, e turno único para 4º e 5º ano. Durante o mês foi grande a procura por pré-inscrições e, com o anúncio, nasceria não só um novo educan-dário, mas também novas polêmicas viriam com debates nos meses seguintes.

Um grave acidente em Guia Lopes, na BR 472, resultou na morte de Teodoro Ribeiro de Lima, 47 anos. Ele estava em uma moto, que chocou-se frontalmente com um Chevrolet Silverado. A vítima morava em Cândido Godói. O motorista do veículo fugiu sem prestar socorro.

O apresentador do Programa nativista América Canta, no ar há 30 anos, era um defensor da cultura riograndense, sulamericana e do Musicanto.
Faça seu comentário