HomeSanta Rosa-87 anos sexta-feira, 10 de agosto de 2018 08:23

Poder Legislativo

A história da Câmara de Vereadores teve início em 1935, quatro anos após Santa Rosa ser emancipada.

A história do Poder Legislativo santa-rosense tem início em 1935, quatro anos após Santa Rosa ser emancipada. No dia 17 de novembro daquele ano a população foi às urnas para escolher seus representantes. Eram nove vereadores que integravam duas siglas: Partido Republicano Liberal e Partido Colonial.
A posse oficial ocorreu em 5 de dezembro e a primeira sessão ordinária no dia 25, em pleno Natal, tendo como presidente Alfredo Leandro Carlson, responsável em promulgar a 1ª Lei Orgânica, o Regimento Interno e os primeiros decretos.
Os primeiros vereadores de Santa Rosa foram Alfredo Leandro Carlson, Jacob Emílio Reinher, Roberto Waldow, Raimundo Dahmer, Luiz Giacomelli, Diniz Gazzana, Alexandre Koschewitz, José Olavo Viana e Alfredo Finster.
O mandato da primeira legislatura da Câmara de Santa Rosa durou pouco. Em 10 de novembro de 1937 o Congresso Nacional é dissolvido por Getúlio Vargas que implanta o chamado Estado Novo e, por decisão da ditadura imposta por ele, o parlamento no país foi fechado por 10 anos.
No dia 23 de novembro daquele ano, Alfredo Leandro Carlson escreveu a punho a ata de encerramento das atividades do Poder Legislativo santa-rosense. Somente em 1947, a Câmara voltou à atividade, com Carlson eleito prefeito do município. Partidos foram organizados, surgindo o PTB, PSD e UDN, entre outros. Fato que durou até o ano de 1969, na 7ª legislatura, quando por ato do Governo Federal nasce o bipartidarismo com a criação da Arena e o MDB.
Atualmente, a Câmara vive sua 17ª Legislatura, tendo Luiz Renato Schefer (MDB) na presidência. São 15 vereadores eleitos, pertencentes a sete partidos políticos. Destes, Neci Dani, do Partido Progressista, é o que mais tempo está na função. Em seu oitavo mandato, ele soma 32 anos como legislador, tendo sido presidente da Câmara por três oportunidades. Foi eleito a primeira vez em 1982.
Nestes 83 anos de história do Legislativo, os santa-rosenses elegeram 10 mulheres vereadoras, tendo sido Ingrid Müller (MDB), a primeira, em 1982. Neste período, porém, muitas outras suplentes chegaram a ter a oportunidade de viver a experiência do cargo.
Já a cadeira da presidência da Câmara foi ocupada por mulheres em duas oportunidades: Marli Zorzan em 2002 e Lires Zimermann Fuhr, em 2015.
Os vereadores que mais vezes presidiram a Câmara - quatro oportunidades cada - foram: Benjamin Menzel (1952/1953/1962/1963), Ivo Leopoldo da Silveira (1955/1956/1958/1959) e Étore Alberto Beltrame (1960/1961/1964/1965).

 

Faça seu comentário