segunda-feira, 29 de setembro de 2014 15:50

PAPO DE DENTISTA

Muita gente não faz uso do fio dental porque, quando criança, não foi “apresentado” a ele, e também por acreditar que basta escovar os dentes e usar um enxaguatório bucal para que a boca fique limpa e brilhante como os comerciais de produtos de higiene bucal mostram (assunto para um próximo papo, que com certeza vai surpreender muita gente).
O fio (ou fita) só é utilizado quando aquele pedaço de picanha não sai do meio dos dentes, mesmo depois de “fuçar” ali com o palito. É ou não é? E quando finalmente o pedaço de picanha é removido, junto vem um cheiro muito ruim, que nem de longe lembra aquele banquete de outrora (lembra mais um cheiro de fossa...). E pra piorar a situação, a gengiva começa a sangrar. O primeiro pensamento do apreciador da picanha: “Bah... não vou mais usar o fio dental até que a gengiva melhore e pare de sangrar.” E tem ainda os que vão além: “Bah... não vou mais nem escovar os dentes até que a gengiva melhore e pare de sangrar.” É ou não é?
Vamos às explicações então: a gengiva sangra por estar inflamada. Essa inflamação é chamada de gengivite e é causada pelo acúmulo de placa bacteriana (que estamos constantemente formando). Se essa inflamação não for tratada, aparece a periodontite (inflamação nos tecidos de suporte dos dentes, que estão próximos às suas raízes).
Mais um pensamento do fã da picanha: “Mas se é uma inflamação, é só tomar um anti-inflamatório que tudo se resolve.” Não, não se resolve. O que resolve é remover a placa com escova e fio dental (que consegue remover a placa que fica acumulada entre os dentes). Se vai continuar sangrando? Até a inflamação diminuir, sim. Então o cidadão pergunta: “E o cheiro ruim que fica no fio, vai sumir?”.
Aí eu termino, respondendo que se o fio dental for utilizado todos os dias, e isso se tornar rotina, o cheiro ruim termina. Caso contrário, vai ter placa bacteriana fazendo aniversário entre os dentes, até o pedaço de costela começar a incomodar de novo e o mau hálito se tornar um companheiro fiel.

Andrea Turra Sala - CRO 14354

Comentários
Faça seu comentário