terça-feira, 24 de junho de 2014 14:34

Seja bem vindo, inverno!

No último sábado entramos oficialmente na estação mais fria do ano.

Amado por alguns e odiado por outros, o inverno, do ponto de vista nutricional pode ser um grande aliado na queima de gordura corporal. Em baixas temperaturas nosso organismo aumenta o metabolismo para a geração de calor, gasta mais calorias como combustível para a manutenção da temperatura interna e neste momento também há a estimulação de adrenalina, hormônio responsável entre outras funções pela queima de gordura.
Para repor essa energia o nosso corpo “pede” comida, e os carboidratos como massas, pão, bolo, torrada, arroz e doces nos fornecem a primeira fonte de energia rápida. No inverno sentimos vontade de tomar algo quente para nos aquecer como por exemplo um chá, mas logo na nossa cabeça vem a nossa cultura de tomar chá com torrada. O mesmo acontece com a sopa que sempre vem acompanhada por um pão.

O que tem que ficar bem claro é que o desejo de comer não está só na necessidade de repor energia, mas também fator pelo fator psicológico. Esse gasto de energia a mais, no inverno é mínimo perto da quantidade de calorias que ingerimos nesses alimentos. Portanto se você não tomar cuidado o ponteiro da balança subirá sem ao menos que perceba.

Outro agravante é a preguiça que o normalmente aumenta com o frio. Não são todas as pessoas que tem ânimo de ir para a academia com esse frio. Mas deveria. Se o seu objetivo é emagrecer aproveite que o nosso corpo está gastando mais energia e programe-se para perder uns quilinhos.

Anime-se! Procure consumir alimentos saudáveis e pratique atividade física regularmente!

Comentários
Faça seu comentário