Blog Gilberto Kieling
Blog Gilberto Kieling
Gilberto Kieling



Blog

De tudo um pouco

Publicado em 22/05/2020 16h17 - Atualizado há 3 meses - de leitura

Meu amigo Felisberto dá a bronca em alto e bom som:

“Minha família está me deixando louco! Primeiro me ensinaram a usar o tal álcool gel. Depois, tive que aprender a lavar as mãos de hora em hora. Agora, essa de usar máscara que eu só tinha visto em filme de faroeste. Desse jeito, logo vão querer que eu tome banho todos os dias!... Vão pro diabo!”

***

Na parte frontal da bela catedral angelopolitana, em Santo Ângelo, há sete estátuas de santos católicos que representam os sete povos das Missões. É um dos pontos turísticos mais fotografados no Noroeste gaúcho, construído em estilo neoclássico, com arquitetura muito parecida com o templo da Redução de São Miguel. Em ambos, uma riquíssima história do Rio Grande e do Brasil.

Dias atrás, as estátuas receberam máscaras brancas, numa simbólica iniciativa sobre o combate ao coronavírus. Todo esforço é válido. A população gostou. E as estátuas ficaram até bem simpáticas...

***

A propósito, Santo Ângelo está vivendo um drama idêntico ao de Santa Rosa. O combate à dengue continua, mas os casos só aumentam. Lá já são mais de 300, com registros de mortes. E o que mais espanta é que estamos em plena estiagem, ou seja, chove pouco e a umidade do ar é baixa. Sabendo que o mosquito vive em locais de água parada, como explicar este fenômeno?

***

No dia 24 de maio, domingo, o Colégio Dom Bosco estará comemorando 60 anos de atividades em Santa Rosa. Formou milhares de estudantes e, por isso mesmo, tem muitas histórias para contar.

Não haverá festa, por razões óbvias. Mas, como também faço parte desta história, no dia 24 vou erguer um brinde. Um brinde solitário, é verdade, mas cheio de significados.           

***

Neste período em que tenho ficado mais tempo em casa, aproveito para atualizar livros e filmes. E tive uma grata recompensa, pois encontrei diversos grupos virtuais que trocam informações e dicas bem úteis. É gente de todos os lugares, até do exterior. Algumas referências que recebi foram de fato preciosas para me atualizar em relação ao cinema e à literatura. Eis aí uma bela função para a nossa internet.

            Talvez esta seja uma das novas rotinas que vamos incorporar às nossas vidas. Vejo muita gente tecendo considerações sobre as mudanças que virão, e tentando descobrir como viveremos após o coronavírus. Acho que esta é uma delas: vamos ficar mais tempo em casa. E, na carona deste novo comportamento, vamos dedicar mais tempo à cultura.

Há também aqueles que dizem que a partir de agora seremos mais solidários, daremos mais valor aos abraços, à conversa com os amigos na esquina e mais fraternos com os mais pobres. Vou acreditar que sim.

Será que estou sendo otimista demais?

***

Este período de luta contra o vírus deve nos deixar algumas lições. A não ser que sejamos completamente imbecis, incapazes de aprender algo com tudo o que está acontecendo. Haverá consequências. E uma delas já está confirmada: nossas orelhas nunca mais serão as mesmas...

Últimas do Blog

VER MAIS NOTÍCIAS



Top Vídeos

:: assista aos destaques

Obras no Sepé devem iniciar dia 10 de agosto

Entrevista com o Patrão Fábio Back do CTG Sepé Tiaraju, o qual foi autorizado pelo Estado a captar R$ 964 mil, para readequar sua sede na Avenida América, em Santa Rosa/RS.

há 2 dias


Lisandra Steffen deixa a assessoria de comunicação do Hospital Vida & Saúde

há 3 dias


Uso da cloroquina para tratar a Covid-19

há 5 dias