Blog Voice, por Eunice Arsand
Blog Voice, por Eunice Arsand
Voice, por Eunice Arsand



Blog

Alfabeto Vanessa e Michele Flores

Publicado em 19/03/2021 11h54 - Atualizado há um mês - de leitura

Artistas inovadoras e determinadas, as manas Vanessa e Michele Flores, são exemplos de pura inspiração e cheias de profissionalismo.
Michele Boeira Flores é casada com Cláudio Rogério Pinheiro e mãe Matheus Flores Pinheiro, 14 anos. Empresária e professora da Escola de Educação Infantil Tia Miti, professora e patinadora da Academia de Patinação Trans-Nação.

Vanessa Boeira Flores é casada com Márcio Volkmer, mãe de Rafael, 7 anos e Lucas 6 anos. Farmacêutica Bioquímica da Fundação Municipal da Saúde, empresária e professora da Academia de Patinação Trans Nação. 

Como não amar, aplaudir e se orgulhar da Escola Trans-Nação de Patinação da família Flores. Um trabalho impecável, incansável,  cheio de brilho e conquistas de Santa Rosa para o mundo. Confira o bate papo com Michele e Vanessa, que conversaram com a VOICE – Jornal Noroeste. 

“Somos quatro irmãos, Júnior (43), Michele(42) , Vanessa(40) e Marco(36), filhos de Alberi e Elaine Flores nossos apoiadores oficiais neste sonho com a patinação artística há anos. 
A Trans-Nação nasceu em meados de 1995, impulsionados a expandir  e profissionalizar um esporte existente em Santa Rosa há muitos anos.

Na época todos os irmãos eram praticantes do esporte na Associação Chuva de Estrelas, mas surgiu a vontade através do Alberi Júnior de levar o esporte para outros municípios. A ideia foi um sucesso com muitos praticantes das cidades de Independência, Cerro Largo, Giruá e Santo Cristo.

Neste mesmo ano, como encerramento das atividades, os irmãos Flores idealizam e apresentam na cidade Giruá seu primeiro espetáculo de patinação da Academia Trans-Nação com a participação de todos os alunos foi um sucesso.

Vários atletas de Santa Rosa foram nos prestigiar neste momento e se admiraram com nosso trabalho. Motivados pelos amigos e amantes do esporte , em pouco tempo estávamos inaugurando nossa escola na cidade de Santa Rosa e não paramos mais de escrever lindos capítulos com a FAMÍLIA TRANS-NAÇÃO . 

Chegamos a desenvolver três espetáculos mensais com equipes de shows em vários municípios. Presenteamos Santa Rosa com várias conquistas em campeonatos estaduais e brasileiros, e inesquecíveis espetáculos anuais de patinação artísticas lotados de expectadores. 

Entre tantos títulos conquistados, temos um bem especial, em 1997 fomos consagradas Campeã Brasileira (Vanessa) e vice-campeã Brasileira (Michele) na modalidade de dança. 
Em média já passaram mais de 5.000 alunos pela nossa escola. 

A patinação artística é encantadora, e, além disso, considerado o segundo esporte mais completo depois da natação.

Ela promove emoção e faz com que o praticante sinta uma sensação de liberdade e entrega no momento da sua prática. Proporciona momentos que aproximam as famílias.   Nosso trabalho com a arte da patinação sempre caminhou com aperfeiçoamento, paixão  e comprometimento em repassar aos atletas técnica atualizada e adequada a cada segmento e nível da patinação. 

Todos os praticantes sempre trazem histórias e lembranças positivas que refletiram na sua  formação pessoal e profissional,  transmitindo assim segurança as famílias que procuraram nossa escola. 

A Academia Trans-Nação é Federada a nível estadual e Confederada a nível nacional, tendo técnica aprovada  Nível 1 para treinamentos de atletas de competição, professora formada em Educação Física e monitoras especializadas para atendimento de escolinhas de atletas a partir de 4 anos sem limite de idade.

Com a pandamia do Covid 19, nosso trabalho ficou restrito e prejudicou os espetáculos com público e as aulas.

Nosso último espetáculo foi NEON CIRCUS no ano de 2019, desde então não realizamos apresentações artísticas com público e sim estamos com o trabalho voltado a nossos atletas com todas segurança e cuidados com objetivo de desenvolver um esporte sadio e avançar a técnica da patinação. 

A pandemia prejudicou nossas aulas, pois aconteciam em ginásios, sendo os mesmos fechados várias vezes em virtude de decretos. Começamos a mil no mês de março de 2020 com mais de 200 alunos e num piscar de olhos estávamos sem atividade, chegava a hora de se reinventar! Algumas mães organizaram um local para continuarmos os treinamentos reduzidos e aos poucos reiniciamos as aulas e treinamentos. 

A turma de competição treinou sempre respeitando as regras dos decretos, a agenda de competições da federação e confederação  foram todas adiadas sendo apenas realizada uma COPA na cidade de Passo Fundo no mês de fevereiro de 2021. 

O evento foi totalmente diferente dos demais, a organização liberava um crachá para atleta, técnicas e um acompanhante por prova, todos de máscara e somente ao entrar na pista o atleta podia retirar. Faltava o grito da torcida os abraços, mesmo assim a emoção tomava conta de nossos corações e o grito e sorriso saia explodindo de dentro de nossas máscaras ao ver nossas atletas competindo novamente. 

Somos criatividade e inspiração. Sempre brincamos que em outras vidas a Família Flores deveria ser uma Família Circense. 
Sabe aquele ditado que diz : 

“Um sonho que se sonha só é só um sonho . Mas um sonho que se sonha junto se transforma em realidade “. Pensamos que isso nos motiva a buscarmos tamanha inspiração para nossas criações.  
Uma boa base artística proporcionada pelos nossos pais como aulas de dança, patinação, música, balé, ginástica nos proporcionaram uma formação diferenciada. Viagens, espetáculos e musicais nos fazem mergulhar no mundo temático, muito estudo, investimento e horas dedicadas para isso.  Amamos e nos realizamos com nossa arte. Temos a certeza que esse é o principal ingrediente. 
Mas só acontece com as peças principais: Primeiro apoio total de nossas famílias (nossos pais, maridos, filhos e irmãos) segundo nossos atletas artistas e suas FAMÍLIAS.  O SUCESSO de uma equipe é a soma da dedicação de várias pessoas no comando de um bom GESTOR. 

Sabemos que todos tem uma curiosidade de quantas pessoas e profissionais são necessários para fazer um espetáculo de patinação. São muitas pessoas e profissionais!
A maioria das pessoas não imagina como um espetáculo ou competição envolve a comunidade. 
Começamos pelo tema do espetáculo com equipe de professoras e definição de coreografias e figurinos, após isso reunião técnica para definição de estrutura e decoração, locação  de espaço, engenheiro responsável, PPCI dos bombeiros, equipe de som e iluminação, equipe de costureiras, bordadeiras, equipe de limpeza, equipe de apoio aos camarins, equipe do bar e cozinha, equipe de atendimento ao público, professoras e monitoras e finalmente alunos e o público. 

Claro que a quantidade varia de acordo com a capacidade liberada pelo PPCI do local. Anos atrás quando o ginásio Dom Bosco abrigava nossos shows chegamos a fazer duas sessões com lotação máxima e ainda faltaram lugares. 

Nossas conquistas foram muitas, mas a maior é ter uma escola no interior e longe da capital da patinação reconhecida a nível Brasileiro. Isso é o reconhecimento de que nosso trabalho é sério e competente. Passamos por vários momentos nestes 28 anos do Trans-Nação e como todas na vida, tivemos altos e baixos e nunca desistimos graças ao cara lá de cima que sempre nos orientou e nos mantiveram firmes e fortes para continuar a levar esta linda arte as pessoas. 

A família Flores tem muito orgulho com a Escola Trans Nação Patinação Artística. Orgulho que não cabe no peito! 

Acredito que não imaginamos nossa vida sem a patinação, pois isso nos mantém unidos até hoje. 
Pensando naquela frase de casamento: 

O que DEUS une ninguém separa! 

Nossa família sempre dedicou a vida pela patinação, se desdobrando com os horários de nossos trabalhos fixos. Às vezes nos perguntam: esse ritmo de vida não cansa? 
Até pode cansar, mas estar fazendo o que amamos nos energiza e traz alegria para todos nós. 
Vocês não tem noção o que sentimos ao final de um espetáculo anual! 

Sentimento de GRATIDÃO a todos e em especial uma alegria por proporcionar estes momentos a todas as famílias. 

Simplesmente Inexplicável! 
Tiramos força de onde não imaginamos ter mais para continuar nesta caminhada. 

Uma mensagem para a nossa comunidade:

A mensagem que queremos deixar a todos, é que não passem no mundo somente como meros figurantes e sim façam construam uma linda história de vida e sejam os protagonistas principais na realização de seus sonhos. 

Tudo que realizamos com amor, retorna em boas energias para nós.  A sensação de reencontrar nossos alunos e familiares que foram praticantes da patinação, e relembram até hoje lindos e marcantes momentos nos impulsionam para continuar seguir em frente. 

Uma vez Trans /Nação sempre Trans-Nação!
SORTE É APELIDO
O VERDADEIRO NOME DO SUCESSO CHAMA-SE DEDICAÇÃO”. 

Conheça mais Vanessa e Michele Flores através do seu Dicionário.

A de Amigo, com eles podemos compartilhar a vida, alegrias e tristezas. 

B de Bondade, fazer pelo outro o que gostaria que fizesse para mim.

C de CONHECIMENTO, emociona, liberta e transforma a vida das pessoas. 

D de dedicação, em todas as ações de nossas vidas.

E de Espiritualidade, à procura de um sentido de conexão com algo maior que si próprio.

F de Felicidade em ter sempre a nossa família caminhando e realizando nossos sonhos . 

G de Gratidão,   ao nossos Pais pelo esforço em ter nos proporcionado uma educação exemplar. 

H de Humildade, em todas as situações da vida. 

I de imaginação, ilimitada para criação de muitos espetáculos. 

J de Juntos, somos fortes! 

K de kkk, rir sempre faz bem para saúde! 

L de Liberdade, ao patinar e sentir o vento no rosto. 

M de Mãe, responsável por nos carregar 9 meses no ventre e doar sua vida a nós. 

N de Notícias, que sempre possamos trazer ótimos notícias de nossos feitos com a patinação a comunidade Santa Rosense. 

O de Objetivos, os quais traçamos a longo prazo e sempre nos norteiam em nosso trabalho. 

P de Paixão, pelo que fizemos. 

Q de Quantidade, nem sempre é sinal de qualidade! 

R de Respeito, mútuo é o ingrediente para uma boa convivência. 

S de Saudade, de tudo que já vivemos.

T de  Tempo, que passe bem devagar para podermos fazer tudo que planejamos.

U de União, que a Família Trans -Nação cultiva até hoje. 

V de Vida, com emoção sempre. 

W de Workshop, sempre é necessário pois estamos em constante evolução. 

X de Xícara, uma boa xícara de café e um bom papo. 

Y de Yoga, arte que aprendemos a admirar com nossas amigas. 
Z de Zelar pela nossa saúde, praticando exercícios físicos e tendo uma alimentação saudável.

 


https://gyazo.com/6e0541e7913076583e1782afd64702b3

Últimas do Blog

VER MAIS NOTÍCIAS



Top Vídeos

:: assista aos destaques

Privatização da Corsan

Ex-prefeito de Santa Rosa, Orlando Desconsi, falou na manhã desta segunda-feira (19) sobre a privatização da Corsan.

há 15 horas


Mantei avalia os 100 primeiros dias de governo

há 16 horas


Programa Podcast Noroeste

há 16 horas