Fenasoja 2020

Coronavírus: e o destino da Fenasoja 2020?

O futuro da 23ª edição da feira será definido no final da tarde desta segunda-feira (16), em uma reunião entre dirigentes da feira, autoridades sanitárias e integrantes do Conselho Consultivo. O presidente da Fenasoja 2020, Elias Dallalba, concede entrevista pela manhã à Empresa Jornalística Noroeste e fala sobre o assunto.

Publicado em 16/03/2020 04h30 - Atualizado há 3 semanas - de leitura
O presidente da Fenasoja 2020, Elias Dallalba / Foto: Arquivo pessoal

A propagação do coronavírus no Brasil e mundo afora afeta inúmeros eventos que estão sendo adiados ou cancelados, na tentativa de frear o avanço da doença. Com isso, autoridades sanitárias mundiais recomendam que se evite a aglomeração de pessoas ao máximo, evitando assim o contágio em massa.

Em Santa Rosa, crescem os questionamentos sobre a realização ou não da 23ª edição da Fenasoja no período previsto, de 1 a 10 de maio. Na noite de ontem, domingo (15), a feira emitiu nota assegurando que a programação está mantida.

Nesta segunda-feira (16), o presidente da Fenasoja 2020, Elias Dallalba, concede entrevista ao programa Ponto e Contraponto da Rádio Noroeste, que também será transmitida ao vivo pelo portal jornalnoroeste.com.br a partir das 7h10 da manhã. O presidente deve apontar qual será o destino da feira.

O futuro da Fenasoja 2020 será discutido no final da tarde desta segunda, em reunião contando com a presença do prefeito Alcides Vicini, do presidente da Câmara de Vereadores, Cláudio Schmidt, do Presidente da Associação Comercial Industrial, Serviços e Agropecuária de Santa Rosa (ACISAP), Odaylson Eder, que fazem parte do Conselho Consultivo, além de ex-presidentes da feira, representantes da 14ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), de toda a estrutura da Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa (FUMSSAR), do Hospital Vida & Saúde e autoridades sanitárias de uma forma geral. De acordo com informações, está bem claro para o presidente da feira que não dá para protelar, a decisão por um eventual cancelamento não pode ser deixada para ser tomada em abril e, por outro lado, não se pode cancelar a feira agora sem que haja sustentação de argumentos das autoridades sanitárias nesse sentido.

Conforme apurou a redação do Jornal Noroeste, o presidente entende que precisa tomar uma decisão até quarta-feira (18), até porque as empresas que participarão da feira precisam planejar e executar a sua logística, assim como a população busca informações para que possa se programar.

Ainda nesta segunda, uma reunião entre prefeitos da região será realizada em Santa Rosa, a fim de que sejam tomadas medidas cabíveis no enfrentamento à pandemia de coronavírus (Covid-19). O Jornal Noroeste acompanhará a reunião in loco.



Últimas notícias

VER MAIS NOTÍCIAS



Top Vídeos

:: assista aos destaques

Governo atualiza situação da Covid-19 no país

Brasil tem 240 mortes e 6.836 casos confirmados de coronavírus

ontem


Presidente Jair Bolsonaro e ministros falam no Palácio do Planalto

ontem


Eduardo Leite concede entrevista coletiva

ontem