Geral

Aos 74 anos, morre o radialista Arnaldo da Costa, o Costinha

Renomado homem do rádio regional deixa a esposa Marli, as filhas Cristina, Andreia e Fernanda, e os netos André, Rafael e Ana Laura.

Publicado em 22/05/2020 10h48 - Atualizado há 5 meses - de leitura
Ótimo. Dia, ao lado de sua esposa. / Foto: Reprodução

Na madrugada desta sexta-feira (22), faleceu o radialista Arnaldo da Costa, aos 74. O popular “Costinha”, era natural de Vila Pratos, Novo Machado (RS), porem morou desde criança em Tucunduva.

Na sua carreira desempenhou diversas funções, mas a de maior destaque foi de radialista. Costinha começou no rádio em 1962, na Rádio Vera Cruz de Horizontina, onde trabalhou, até adoecer, com o lendário programa “Recanto Sertanejo”.

Além do rádio ele foi músico, chegando a integrar a banda Os Atuais, onde também trabalhou como empresário. Gerenciou do Super Comtul, fundador e presidente do Lions Clube, sendo atualmente sócio do Rotary Clube de Tucunduva.

Arnaldo deixa a esposa Marli, as filhas Cristina, Andreia e Fernanda, e os netos André, Rafael e Ana Laura.



Últimas notícias

VER MAIS NOTÍCIAS



Top Vídeos

:: assista aos destaques

89 anos da ACISAP

Entrevista com Odaylson Eder, atual presidente da Associação Comercial Industrial, Serviços e Agropecuária de Santa Rosa (ACISAP), sobre os 89 anos da associação.

há 21 horas


Juntos pela Economia Local

há 21 horas


José Carlos deixa a Ascom da Fundação Municipal após seis anos

há 4 dias