Justiça

FUMSSAR firma TAC com o Ministério Público

Documento define que em até sete meses FUMSSAR deverá adquirir 15 equipamentos para conservar vacinas.

Publicado em 03/11/2020 07h00 - Atualizado há 2 meses - de leitura
O promotor Marcelo Squarça é o proponente do documento que dará mais segurança às unidades de saúde do município. / Foto: Divulgação

O Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) foi firmado junto à Promotoria de Justiça Cível de Santa Rosa/RS comandada pelo promotor Marcelo Squarça. No documento, a Fundação Municipal de Saúde – FUMSSAR, assume o compromisso de adquirir no prazo de até sete meses, 15 novos equipamentos para conservação de imunobiológicos (vacinas) para atender todas as salas de vacinação no município, incluindo as que estão localizadas nas unidades básicas de saúde.

A RDC (Resolução da Diretoria Colegiada) da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determina como item obrigatório equipamento de refrigeração exclusivo para guarda e conservação de vacinas, com termômetro de momento com máxima e mínima temperatura. O prazo para cumprimento da exigência findou em dezembro de 2019.

O promotor Marcelo Squarça disse que “a medida, além de atender à normativa vigente, vai ao encontro do atual cenário provocado pela pandemia, em que uma possível vacina é iminente, exigindo dos órgãos públicos a estruturação de seus serviços, de modo a dar condições plenas de armazenagem e conservação”.



Últimas notícias

VER MAIS NOTÍCIAS



Top Vídeos

:: assista aos destaques

"Trevos Assassinos"

Entrevista com André Stürmer, sobre os "trevos assassinos" da nossa região.

há 2 dias


Janeiro Branco

há 3 dias


Colheitadeira é removida, após quase cair de ponte em Três de Maio

há 5 dias